Fonte: OpenWeather

    Morte em operação


    Militar da Marinha morre durante operação no rio Amazonas

    O militar estava participando de uma operação, após inúmeras denúncias de ataques piratas nas águas barrentas do rio Amazonas

     

    O militar estava em uma operação quando foi atingido pelo tiro fatal
    O militar estava em uma operação quando foi atingido pelo tiro fatal | Foto: Reprodução

    Foz do Rio Uatumã (AM) - Um suboficial da Marinha do Brasil morreu durante um tiroteio no rio Amazonas, na madrugada deste domingo (21). O militar estava participando de uma operação, após inúmeras denúncias de ataques piratas nas águas barrentas do rio Amazonas. Além dele, outros quatro ficaram feridos. 

      Segundo informações, a equipe estava em uma lancha identificada, quando foi abordar um comboio de balsas de combustível. Os militares foram recebidos a tiros e revidaram. Neste momento, os disparos atingiram o suboficial e outros militares.  

    Em nota, a Marinha do Brasil confirmou a morte do militar e deu detalhes do estado de saúde de um dos oficiais, que também foi atingido na operação. O ferido foi encaminhado para o Hospital Municipal de Parintins e passa por cirurgia na unidade de saúde. 

    "

    Dois militares da lancha do NPaFlu Rondônia foram atingidos, com um deles vindo a óbito e o outro removido para o hospital municipal de Parintins, onde está sendo operado, sendo acompanhado também por médico da MB. O empurrador Waldemiro Lustoza V informou que possui três feridos a bordo, nenhum em estado grave. "

    Nota da Marinha do Brasil,

     

    A MB ainda demonstrou apoio e se solidarizou com os familiares e amigos do militar que perdeu a vida durante a operação, e garantiu que dará assistência à família. 

    "A MB se solidariza com familiares e entes próximos ao militar que veio a óbito e está prestando toda a assistência necessária. Um inquérito policial militar foi aberto para a apuração do ocorrido", concluiu a nota.

    O  corpo do militar está em um navio da Marinha no porto de Parintins e será levado para Manaus em um helicóptero da força armada.

    Um inquérito policial militar será aberto para investigar as circunstâncias da morte.


    Leia mais: 

    PF e Marinha prendem italianos com mais de meia tonelada de drogas

    Militar da Marinha mira em ladrão, mas atira contra namorada em Manaus

    PM é baleado e tem arma roubada por bandidos em Manaus