Fonte: OpenWeather

    Detran Cidadão


    Detran Cidadão chega ao Careiro Castanho, no Amazonas

    Saiba como fazer as inscrições para o curso

     

    Os interessados em realizar o curso podem se inscrever diretamente no Posto do Detran-AM
    Os interessados em realizar o curso podem se inscrever diretamente no Posto do Detran-AM | Foto: Lucas Silva/Secom

    Manaus (AM)- Começam nesta segunda-feira (6) as inscrições para o projeto "Motociclista Legal" no município de Careiro Castanho.

    O projeto faz parte do Programa Detran Cidadão, idealizado pelo Governo do Estado e executado pelo Detran Amazonas, e vai permitir que os interessados em se profissionalizar, como mototaxistas, possam fazer o curso de capacitação ou aperfeiçoamento de maneira gratuita.

    Os interessados em realizar o curso podem se inscrever diretamente no Posto do Detran-AM, que fica localizado na avenida Sargento Nonato Brito, ao lado da Secretaria Municipal de Produção Rural e Pesca (Semprop), no bairro Vista Alegre.

    As inscrições vão até a próxima sexta-feira (10), das 9h às 15h, e as aulas já começam no sábado (12).

    Ao final da capacitação, esses novos mototaxistas estarão aptos a receber um kit de capacete e colete do Governo do Estado, para poderem trabalhar com mais segurança.

    Documentos

    Para se inscrever é necessário levar a documentação básica, como RG ou CNH, comprovante de residência atualizado, comprovante de renda e CPF.

    Podem participar do projeto “Motociclista Legal” as pessoas que ganham até 2 (dois) salários mínimos, que sejam habilitadas na categoria A, há pelo menos dois anos, e tenham, no mínimo, 21 anos.

    As pessoas beneficiadas pelo projeto irão economizar aproximadamente R$ 630, que é o valor referente à isenção das taxas (R$ 242,10) e ao custo de capacete e colete (R$ 387).

    Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 98407-6283.

    Leia mais:

    Saiba como se inscrever na CNH gratuita no Amazonas 

    "Detran Cidadão" é apresentado em evento nacional 

    Detran recebe os primeiros contemplados no "CNH Social"