Fonte: OpenWeather

    Vestibular


    Atenção: Inscrições do Enem são prorrogadas até quarta-feira

    Provas estão sem datas definidas para serem realizadas e as inscrições ocorrem até a próxima quarta-feira

    Apesar de não haver datas definidas para a realização das provas, é importante efetivar a inscrição
    Apesar de não haver datas definidas para a realização das provas, é importante efetivar a inscrição | Foto: Divulgação

    O Ministério da Educação (MEC) prorrogou as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio até a próxima quarta-feira (27). Na rede estadual, a Secretaria de Estado de Educação e Desporto alerta os mais de 66 mil estudantes matriculados na 3ª série do ensino médio para as novas datas. Alunos da rede pública de ensino não precisam pagar a taxa de inscrição.

    Os estudantes do ensino médio da rede estadual que ainda não fizeram suas inscrições poderão realizá-las até 22h59 de quarta-feira, pelo horário de Manaus. Com a  pandemia do novo coronavírus, as provas, que ocorreriam em novembro, foram adiadas de 30 a 60 dias para as versões impressa e digital. 

    Apesar de não haver datas definidas para a realização das provas, é importante efetivar a inscrição, de acordo com o secretário Adjunto Pedagógico da Secretaria de Educação, Raimundo Barradas. “Precisamos que, nesse momento, nossos alunos entendam a importância de efetivar a inscrição para que na hora que as datas forem definidas, eles possam participar”, observou. 

    As inscrições podem ser realizadas no site https://enem.inep.gov.br/. A coordenadora do ensino médio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, Lúcia Andrade, acredita que a prorrogação pode oportunizar que mais estudantes matriculados na 3ª série do ensino médio possam realizar o exame. 

    "A Secretaria de Educação tem mobilizado as escolas e os estudantes para aumentar o número de inscritos. Nesse momento, mesmo com as aulas suspensas, temos orientado com relação à preparação para o Enem, que os estudantes acompanhem as aulas que estão sendo transmitidas. É uma situação emergencial que, nesse momento, pode auxiliar nossos alunos”, afirma. 

    *Com informações da assessoria