Fonte: OpenWeather

    Educação


    Psicóloga dá dicas para escolas inovarem em 2021

    Ao todo, 54 estabelecimentos receberam o selo, entre eles, creches e faculdades

    Segundo o Ministério da Economia, a educação e os empregos foram os mais afetados | Foto: Divulgação

    O Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Privado do Estado do Amazonas (Sinepe-AM) realizou, nesta quinta-feira (26), um evento on-line para o lançamento do Selo Sinepe 2021. Ao todo, 54 estabelecimentos receberam o selo, entre eles, creches e faculdades. O encontro contou com a presença da psicóloga Mayara Cansanção, que realizou uma palestra aos gestores, coordenadores e profissionais de educação que abordou os desafios do setor do cenário atual, em virtude da pandemia do Covid-19, e a capacidade do ser humano inovar em tempos de crise.

    A vice-presidente do Sinepe-AM, Laura Cristina Vital, destaca que o Coronavírus pegou todos de surpresa e, em tempo recorde, diversos setores precisaram se reinventar para continuar atendendo seus clientes, entre eles, o educacional. “A pandemia tem exigido resiliência de todos nós, quando isso acabar, sem dúvida, iremos sair mais fortalecidos”, comentou.  

    Segundo o Ministério da Economia, a educação e os empregos foram os mais afetados. “E isso trouxe impactos no processo de aprendizagem da população”, disse a psicóloga Mayara Cansanção.

    Perda de habilidades cognitivas e socioemocionais, prejuízo no desenvolvimento da criança, aumento da pressão para estudar e da desigualdade social são alguns deles, de acordo com uma pesquisa da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OECD).

    “O estudo apontou que esses efeitos são inevitáveis, porém podem ser amenizados caso os países melhorem o ganho de aprendizagem de seus alunos nos próximos meses”, enfatizou Mayara.

    Entre as dicas da especialista está a das instituições de ensino criarem comitês que ficarão responsáveis para implementar soluções quanto à pandemia ao longo de 2021. “Reunir um grupo de colaboradores que ficará responsável por traçar estratégias de como melhorar o ambiente escolar, seja através da tecnologia, ensino híbrido ou comunicação, por exemplo”, disse.

    Outra sugestão de Mayara aos gestores foi o de apostarem na formação profissional do quadro técnico das instituições como, por exemplo, enviar um colaborador para uma capacitação e depois torná-lo multiplicador de conhecimento no ambiente escolar.

    Selo Sinepe 2021

    O Sinepe-AM concede anualmente o Selo Sinepe-AM, que, além de valorizar as instituições associadas, também identifica aquelas que estão legalizadas perante o Ministério da Educação (MEC), conselhos de educação e demais órgãos competentes.

    A presidente do sindicato, Elaine Saldanha, alerta aos pais e responsáveis que quando forem realizar a matrícula das crianças e adolescentes para o próximo ano letivo verifiquem se a escola escolhida está funcionando em situação regular, isso porque caso o estabelecimento não esteja com a documentação em dia, não pode emitir documentos que comprovem a escolaridade, como histórico escolar, certificados e diplomas.

    “Muitas vezes a família leva em conta apenas a infraestrutura, proximidade da residência e o valor da mensalidade da escola, mas é importante também verificar se a instituição está devidamente legalizada, para não sair no prejuízo”, destaca a representante do Sinepe-AM.

    *Com informações da assessoria