Fonte: OpenWeather

    Exemplo na educação


    Jovem que estudou com livros achados no lixo passa na UFPE

    Ele estudava com livros achados no lixo e não tinha internet em casa

     

    Enquanto estudar na faculdade, o jovem disse que vai conciliar a rotina de estudos e trabalho
    Enquanto estudar na faculdade, o jovem disse que vai conciliar a rotina de estudos e trabalho | Foto: Arquivo Pessoal

    A educação muda a vida de pessoas. Por isso, um estudante de família carente e que trabalhava descarregando cargas de uma empresa de produtos de saúde, decidiu usar os estudos para mudar de vida e realizar o sonho de ser professor. 

    Davi Eduardo Ferreira de Brito, de 20 anos, um jovem de Pernambuco, passou no curso de Geografia na Universidade Federal de Pernambuco – UFPE. Ele estudava com livros achados no lixo e não tinha internet em casa. 

    “Gosto muito de transmitir o que aprendo. Quero ensinar para encorajar outros jovens, principalmente da minha comunidade, para estudarem”

     

    Toda a família dele comemorou a aprovação na universidade pública, após os livros achados no lixo.

    “É um orgulho imenso ver meu filho chegar onde chegou. Nunca pensei que isso pudesse acontecer, apesar de sempre incentivá-lo. […] Estamos felizes demais. Estamos abestalhados, já chorei e tudo”, contou Claudia Feijó, mãe de Davi.

    E o rapaz afirma que não quer parar por aí. A vaga que ele conseguiu foi em bacharelado e não licenciatura, que é a especialização necessária para conseguir lecionar. Ele afirma que vai lutar para conseguir a transferência.

    Enquanto estudar na faculdade, o jovem disse que vai conciliar a rotina de estudos e trabalho. Davi é um dos milhares de jovens que desejam dar uma condição financeira mais segura para a família.

    *Com informações Jornal do Commercio

    Leia mais:

    Fametro cresce 11% na procura de cursos na área da saúde em Manaus

    Bolsa Universidade oferece até 75% de descontos em Manaus; veja