Fonte: OpenWeather

    Educa+Amazonas


    Profissionais da Educação de Tabatinga aprovam formação no AM

    Divididas em 78 atividades formativas, as escolas estaduais Marechal Rondon e Conceição Xavier de Alencar receberam os participantes do Trilhas do Saber

     

    A iniciativa, que integra o programa Educa+Amazonas, promoveu um circuito de formações
    A iniciativa, que integra o programa Educa+Amazonas, promoveu um circuito de formações | Foto: divulgação

    Manaus (AM) - Com o objetivo de alcançar os 62 municípios do Amazonas, com formação aos profissionais da Educação das redes estadual e municipais, o projeto Trilhas do Saber chega a Tabatinga (distante 1.108 quilômetros de Manaus) com a proposta de ser a maior iniciativa de formação continuada do estado.

    A iniciativa, que integra o programa Educa+Amazonas, promoveu um circuito de formações na quarta (1º) e quinta-feira (2), no município.

    Divididas em 78 atividades formativas, as escolas estaduais Marechal Rondon e Conceição Xavier de Alencar receberam os participantes do Trilhas do Saber.

    “As tecnologias digitais e os estudantes do século XXI: possibilidades e desafios ao trabalho docente”, “Mapeamento do processo: atividades e rotinas” e “Metodologias ativas e espaços multisseriados nas escolas” foram algumas das formações que nortearam as mais de 14 horas de atividades do projeto.

    Professora da Escola Municipal Francisco Mendes, Cláudia Paiva foi uma das participantes do circuito formativo em Tabatinga.

    Ela assistiu à palestra “A importância do trabalho na escola”, na Escola Estadual Marechal Rondon.

    "

    Tive a oportunidade de debater sobre a vivência dos alunos nas salas de aula e de como é importante dar a base a estes futuros profissionais. Essa oficina veio contribuir diretamente com a minha atuação na escola, pois, muitas vezes, em um método antigo de ensino, nós acabamos não desenvolvendo metodologias importantes com os estudantes "

    Cláudia Paiva, Professora

     

    Para a educadora Isabel Cecilia, da Escola Estadual Duque de Caxias, o projeto Trilhas do Saber vem em um momento necessário para a Educação.

    "

    Nós temos essa carência, estamos longe da capital e não conseguimos ter acesso à formação continuada de maneira eficaz. O mais importante: com a atividade presencial, nós não somente aprendemos, como também mostramos a realidade do ensino no nosso município. Essa troca de experiências, sem dúvida, é a que mais impacta no nosso cotidiano nas escolas "

    Isabel Cecilia, educadora

     

    A professora de Educação Física, Jaira Alves, participou da oficina  “Metodologias Ativas e Aprendizagem” e falou sobre a importância da Educação nos tempos atuais.

    Foi um momento muito importante para refletirmos sobre a Educação no futuro, a Educação que acontece no chão da escola, e como nós, docentes, precisamos alinhar o ensino com o protagonismo de cada aluno, para que práticas pedagógicas sejam reais”, concluiu Jaira. 

    *Com informações da assessoria 

    Leia mais:

    Tabatinga recebe Caravana da Educação do projeto Trilhas do Saber

    Kuka Chaves toma posse como nova secretária de educação do Amazonas

    Seduc dá início a projeto Trilhas do Saber com palestra magna