Fonte: OpenWeather

    Ciência, Tecnologia e Inovação


    Pesquisadores de Itacoatiara participam de encontro sobre Rede Rhisa

    A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedecti) divulgou as funcionalidades da Rede de Recursos Humanos e Inteligência para a Sustentabilidade da Amazônia (Rede Rhisa)

     

    Visita aos municípios do interior do Amazonas para fazer a divulgação das funcionalidades da Rede de Recursos Humanos e Inteligência para a Sustentabilidade da Amazônia (Rede Rhisa).
    Visita aos municípios do interior do Amazonas para fazer a divulgação das funcionalidades da Rede de Recursos Humanos e Inteligência para a Sustentabilidade da Amazônia (Rede Rhisa). | Foto: divulgação

    Manaus (AM) - P esquisadores de Itacoatiara (a 176 quilômetros de Manaus) elogiaram a iniciativa da  Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti) de visitar municípios do interior do Amazonas para fazer a divulgação das funcionalidades da Rede de Recursos Humanos e Inteligência para a Sustentabilidade da Amazônia (Rede Rhisa) 

    O encontro com professores e pesquisadores das Instituições de Ensino e Pesquisa de Itacoatiara aconteceu na manhã da terça-feira (31/08), no auditório do Instituto de Ciências Exatas e Tecnologia (Icet) da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), naquela cidade.

    Na avaliação do secretário titular da Sedecti, Jório Veiga, que esteve presente nos dois dias de reuniões de articulação em Itacoatiara, a missão teve um bom resultado com a participação dos profissionais. Tivemos uma reunião muito boa com os pesquisadores, onde houve a oportunidade de explicar a eles o que é a Rede e quais os potenciais que nós temos. Ficamos felizes de encontrar as portas abertas, com uma boa receptividade, além do desejo deles de participarem da Rede, fazendo intercâmbio com outros profissionais e podendo integrar-se a todos os benefícios que ela proporciona”, avaliou Veiga.

    Para a professora Elisângela Silva de Oliveira, que é coordenadora da Qualidade de Ensino da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) de Itacoatiara, a participação no encontro trouxe uma impressão positiva sobre a plataforma.

    Fiquei muito satisfeita com as ideias sobre a Rede (Rhisa) porque todos nós do interior do Amazonas precisamos unir o nosso potencial, trabalhar em rede para que este estado cresça, principalmente os interiores, porque o Amazonas tem muitas riquezas. Essa união é muito importante para mostrar o trabalho que cada pesquisador está fazendo e, principalmente, a união das Instituições junto às comunidades de base, com as quais nós trabalhamos, seja no ensino, na pesquisa ou na extensão”, avaliou.

    Inteligências do Amazonas e da Amazônia 

    Para o professor Henrique Pereira, que é coordenador técnico da Rede Rhisa, a ciência é fundamental para auxiliar a sociedade em diversas situações, principalmente as de saúde pública. Neste momento, a cidade de Itacoatiara vive uma crise sanitária provocada por uma síndrome, uma doença cuja causa é desconhecida. E esse é exatamente o momento em que a sociedade precisa se socorrer da boa ciência. (Daí) a importância de nós termos aqui uma solução, uma resposta rápida, uma certeza que possa orientar a conduta das autoridades sanitárias, além da proteção da saúde pública”, reforçou o coordenador.


    Leia mais:

    Ufam promove “Rede RHISA” para profissionais da educação no Amazonas

    Ufam abre inscrições para Processo Seletivo de Educação a Distância