Evento em 2020


Manaus é escolhida para sediar Fórum Global para Climas e Floresta

Manaus é escolhida para sediar edição 2020 do Fórum Global dos Governadores para Climas e Floresta

Veja Reportagem | Autor: TV em Tempo

Governador do Amazonas Wilson Lima participu nesta quinta-feira do Fórum Global realizado na Colômbia
Governador do Amazonas Wilson Lima participu nesta quinta-feira do Fórum Global realizado na Colômbia | Foto: Divulgação

Manaus - Manaus foi escolhida por unanimidade para sediar a próxima edição do Fórum Global dos Governadores para Climas e Floresta (GCF-sigla em inglês), em 2020. A escolha aconteceu, nesta quinta-feira (02),  em Florência, capital do departamento de Caquetá, na Colômbia, onde ocorre a edição deste ano do fórum. O governador do Amazonas, Wilson Lima, que representa a delegação brasileira nos debates, comemorou a escolha.

"

“Nós vamos ter a honra de recebê-los e discutirmos ações que conservem a floresta, ao mesmo tempo em que promovam o desenvolvimento econômico e social. Isso reforça o protagonismo do Amazonas em agendas do desenvolvimento sustentável na Amazônia e no mundo”, destacou Wilson Lima. "

Wilson Lima, Governador do Estado do Amazonas

Manaus concorreu com San Martín, no Peru, e Cross River, na Nigéria, que retirou sua candidatura em apoio a capital do Amazonas.

Países como México, além de estados brasileiros que compõem o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal, também defenderam a escolha de Manaus.

Manaus ganha relevância

Forum Global de Governadores na Colômbia
Forum Global de Governadores na Colômbia | Foto: Divulgação

Para o secretário de Estado de Meio Ambiente (Sema), Eduardo Taveira, que também participa do evento na Colômbia, a escolha de Manaus ganha relevância no contexto global das discussões ambientais. “A escolha de Manaus é importante por dois motivos: primeiro, destaca a importância do Amazonas como a área que tem a maior reserva natural de floresta conservada; segundo, coincide com o tema que está sendo levantado aqui: como transformar toda essa riqueza em melhoria da qualidade de vida da população da nossa região?”, explica Taveira.

Taveira destacou ainda que os cuidados com o meio ambiente são temas comum a todos os países que têm a riqueza da biodiversidade e o Estado do Amazonas tem liderado essas discussões. Para ele há muita similaridade de problemas e soluções em estados como o Amazonas, que tem potencial, mas não sabe como transformá-lo em realidade.

"

"Pelo momento que a gente está atravessando nessas questões relacionadas a aumento de desmatamento e conservação, todos os estados do mundo perceberam a importância que seria o Fórum ser realizado no Amazonas”. "

Eduardo Taveira, Secretário de Estado de Meio Ambiente

Fórum

O Fórum Global dos Governadores para Climas e Floresta reúne 38 governadores de estados e províncias de 10 países que possuem área florestal. São eles: Brasil, Colômbia, Costa do Marfim, Equador, Espanha, Estados Unidos, Indonésia, México, Nigéria e Peru. Ele foi criado em 2008 para cooperação em inúmeros assuntos relacionados à política climática, financiamento, troca de tecnologia e pesquisa.

Nos três primeiros dias de evento, o secretário da Sema, Eduardo Taveira, participou das reuniões de grupos de trabalho e da discussão de oportunidades de negócios para o desenvolvimento sustentável. As discussões são mediadas pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), da Organização das Nações Unidas (ONU).

* Com informações da assessoria/GC

Veja a reportagem completa da TV Em Tempo:

Veja Reportagem | Autor: TV em Tempo

Leia mais:

Amazônia deve ficar mais quente e seca alertam estudos sobre clima

Desmatamento muda rios voadores da Amazônia e pode causar problemas

Samambaias são usadas para mapear solos da Amazônia