CORPOS EXTRATERRESTRES


Pilotos avistam óvnis e luzes misteriosas em voo na Irlanda e Londres

Os pilotos relatam que as luzes e objetos se movimentavam com rapidez extrafísica

Há uma investigação da Autoridade Irlandesa de Aviação em andamento sobre o caso.
Há uma investigação da Autoridade Irlandesa de Aviação em andamento sobre o caso. | Foto: Reprodução


A Autoridade Irlandesa de Aviação está investigando no país relatos de luzes brilhantes e Óvnis (Objetos Voadores Não Identificados) vistos na costa da Irlanda ainda na semana passada. Um porta voz do aeroporto envolvido na experiência disse que não era apropriado que o aeroporto comentasse o assunto já que há uma investigação da Autoridade Irlandesa de Aviação em andamento.

As informações divulgadas nesta sexta-feira (16), contam que na madrugada de sexta-feira passada (9), uma piloto da companhia aérea British Airways pediu auxílio pelo controle da tráfego aéreo na cidade da Shannon.

 Ela queria saber se havia exercícios militares sendo feitos na região em que sobrevoava porque havia algo se "movendo muito rápido". O controlador de voo disse que não havia exercícios do tipo.

 A piloto voava de Montreal, no Canadá, para o aeroporto de Heathrow, em Londres, e durante o trajeto disse que havia uma "luz muito brilhante" e que o objeto não-identificado apareceu à esquerda da aeronave antes de "desviar-se rapidamente para o norte".

 Imaginando o que poderia ser, ela destacou a hipótese de um ataque e o afirmou que o óvni não parecia estar em trajetória de colisão com o avião.

 Outras Experiências

 Outro piloto da companhia Virgin também relatou ter visto óvnis e sugeriu que poderiam ser meteoros ou outros objetos entrando na atmosfera da Terra.

 Ele disse que havia "múltiplos objetos seguindo o mesmo tipo de trajetória" e que os corpos celestes eram muito brilhantes.

 O piloto relata ainda que viu "duas luzes brilhantes" à sua direita, que se afastaram com alta velocidade.

Ainda segundo o piloto, a velocidade era "astronômica, algo como um Mach 2" – ou seja, duas vezes a velocidade do som.

 O que poderia ser? 

O astrônomo Apostolos Christou, do Observatório e Planetário Armagh, no Reino Unido, disse que os pilotos provavelmente viram pedaços de poeira cósmica entrando na superfície da Terra a uma velocidade muito alta.

 "Era muito provavelmente o que é popularmente conhecido como estrela cadente", disse ele. "Parece que era extremamente brilhante, então, deve ter sido um pedaço de material bem grande. Pela descrição dos pilotos não dá para ter certeza, mas deve ter tido o tamanho de uma maçã."

 O astrônomo diz que novembro tende a ser um mês muito ativo para esse tipo de atividade.

 "Também parece que havia pedaços saindo do objeto e voando perto da aeronave. Isso é o que você espera se uma rocha do espaço particularmente grande entra da atmosfera: ela tende a fragmentar."

 "Começamos uma investigação após relatos de um pequeno número de aeronaves na sexta sobre atividade incomum no ar", disse a Autoridade Irlandesa de Aviação.

*Em Tempo com informações da BBC News 

Leia mais:

Estudioso de UFO diz ter visto OVNI no céu de Manaus 

Você acredita em extraterrestres? Conheça relatos de aparições no AM

Luzes no céu assustam manauaras e repercutem na internet