Fonte: OpenWeather

    Comunicação


    E se cair de novo? Telegram, Signal e outras opções para se comunicar

    Veja os recursos das opções ao app de mensagens que ficou fora do ar

    O app caiu junto com o Facebook e Instagram | Foto: Reprodução

    O WhatsApp, aplicativo de mensagens mais popular do Brasil, está fora do ar desde o começo da tarde desta segunda-feira (4). O app caiu junto com o Facebook e Instagram, todos pertencentes à rede social de Mark Zuckerberg.

    SMS: somente texto; não depende de internet

    Principal ferramenta de troca de mensagens da era pré-WhatsApp, o SMS ainda tem o seu lugar hoje em dia. Ele não depende de conexão com a internet, somente do sinal do celular (que não precisa estar conectado à rede 4G, por exemplo).

    O serviço é pago na maioria das operadoras, mas vale conferir o seu plano oferece algum pacote de envios diários. Algumas ofertas incluem SMS ilimitados a um preço baixo por dia.

    Por SMS é possível enviar mensagens de texto para qualquer número de celular. O envio de imagens ocorre pelo chamado MMS, que pode custar mais caro e muitas vezes demora para chegar – e vídeo nem pensar.

    Telegram: texto, foto, vídeo e áudio; depende de internet e cadastro é feito com número do celular

    O Telegram tem praticamente todas as funções do WhatsApp (há quem prefira ele pelos recursos adicionais, como grupos com milhares de membros e agendamento de mensagens). Ele funciona por meio de uma conexão com internet (Wi-Fi, 4G ou 3G).

    Lá você vai encontrar figurinhas, opção de mensagens de áudio, vídeo, foto. Também é possível realizar chamadas de voz ou vídeo.

    É preciso que os contatos de sua agenda também tenham o aplicativo instalado (a conta é aberta pelo número de telefone).

    Signal: texto, foto, vídeo e áudio; depende de internet e cadastro é feito com número do celular

    O Signal também é muito parecido com o WhatsApp e tem foco adicional em privacidade e segurança. Um dos seus trunfos é o envio de mensagens com remetente oculto (apenas um dos participantes precisa divulgar o número para iniciar a conversa).

    Por outro lado é um aplicativo mais "sisudo": não há busca integrada de GIFs animados, por exemplo, nem status/stories.

    Ele funciona por meio de uma conexão com internet (Wi-Fi, 4G ou 3G). É preciso que os contatos de sua agenda também tenham o aplicativo instalado (a conta é aberta pelo número de telefone).

    iMessage: texto, foto, vídeo e áudio; depende de internet e só funciona em iPhone, iPad e Mac

    Disponível somente para iPhones e outros produtos da Apple, o iMessage funciona como um híbrido entre SMS e WhatsApp – isso porque ele fica integrado ao aplicativo de mensagens de texto do iOS e do Mac.

    É possível enviar mensagens de texto, fotos, vídeos e áudios, mas ele depende de uma conexão com a internet (Wi-Fi, 3G ou 4G). Ele também tem opção para realizar chamadas de vídeo ou voz.

    E-mail: arquivos no anexo; depende de internet

    O bom e velho e-mail também pode dar uma mão nesse momento, especialmente para as conversas profissionais.

    Ele não tem os recursos de mensagens instantâneas, então o envio de fotos, vídeos e áudios é diferente (por anexo). Apesar disso, é uma boa pedida para mensagens longas e formais.

    *Com informações do G1

    Leia Mais

    Voltou! WhatsApp, Facebook e Instagram estão 'no ar' após 8h de queda