Fonte: OpenWeather

    Sibéria


    Homem esquarteja e joga membros de stripper pela janela de prédio

    Jovem de 19 anos seria namorada do assassino

    As crianças que estavam no local disseram que viram o momento em que roupas e as partes do corpo da vítima foram atirados do prédio | Foto: Divulgação

    Um caso bizarro aconteceu na Sibéria no último final de semana: crianças, que estavam brincando em um parque, presenciaram o momento em que a cabeça e os membros de uma mulher foram atirados pela janela de um prédio de apartamentos na cidade de Chita. 

    Segundo informações do jornal britânico Metro, a jovem, identificada apenas como Elizaveta, de 19 anos, era stripper em uma boate da cidade, chamada Zazhigalka, e foi morta e esquartejada por um homem de 38 anos, de quem supostamente era namorada.

    De acordo com a publicação, o grupo de jovens testemunhou o momento em que as roupas, a cabeça e os membros da moça foram atirados pela janela do 12° andar do flat, caindo próximo ao parque, na rua Bogomyagkova, e em prédios próximos.

    "Foi uma situação muito apavorante. Primeiro, vimos as roupas caindo, completamente manchadas de sangue. Logo depois, veio a cabeça", afirmou Igor Shalaev, de apenas 15 anos, um dos garotos que estava no local no momento do crime.

    O suspeito do esquartejamento foi detido pelas autoridades e encaminhado para a delegacia da cidade. Agora, uma investigação será instaurada, para que se descubra as causas da barbárie, e o homem deve ser acusado de assassinato e tentativa de ocultação de cadáver.

    "Outras pessoas que moram no prédio também serão ouvidas durante a investigação, para que possamos entender como o crime aconteceu", informou um porta-voz da polícia russa.