Fonte: OpenWeather

    Mundo animal


    Conheça o homem que passou 72 horas com 72 cobras venenosas

    Amante dos répteis desde muito jovem, o homem bateu recorde mundial

     

    O recorde anterior pertencia ao sul-africano Peter Snyemaris, feito no ano anterior
    O recorde anterior pertencia ao sul-africano Peter Snyemaris, feito no ano anterior | Foto: Divulgação

    Em 1980, o herpetólogo indiano Neelam Kumar Khaire quebrou uma dos recordes mais ousados do Guinness. Na época com 28 anos, o amante de répteis decidiu passar 72 horas enclausurado em um recinto de vidro dividindo o mesmo espaço com 72 cobras venenosas.

    O recorde anterior pertencia ao sul-africano Peter Snyemaris, feito no ano anterior. Durante a tentativa de Snyemaris, o homem passou 50 horas vivendo com 18 cobras venenosas e seis semi-venenosas em Johanesburgo. Na visão de Neelam, a conquista deveria pertencer a alguém da Índia, visto que o país é considerado a “terra das cobras”.

    Amor pelas cobras

    Apesar da polícia local e outras autoridades indianas se mostrarem contrárias à ideia, Khaire decidiu contrariar todas as opiniões contrárias e pisou dentro de seu novo lar temporário no dia 20 de janeiro de 1980. Segundo o indiano, o experimento tinha como objetivo mostrar para as pessoas que as cobras só são perigosas quando ameaçadas.

    Amante dos répteis desde muito jovem, Neelam Kumar Khaire trabalhava como recepcionista em uma pousada local, onde cobras eram consideravas visitantes frequentes e eram mortas pelos demais funcionários. Porém, o herpetólogo afirmou que jamais conseguiria tomar o mesmo tipo de ação.

    “Eu odiava matar essas criaturas tão lindas. Então, eu comecei a capturá-las e soltá-las em regiões mais afastadas. Uma vez, eu peguei uma cobra e a levei para um instituto em Bombay. Lá as pessoas me contaram que ela era venenosa e oferecia um perigo para mim. Esse incidente aumentou minha confiança e foi aí que eu comecei minha obsessão por cobras”, disse em entrevista para o India Today.

    Quebrando recordes

    Apesar do livro de regras do Guinness Records deixar bem claro que Kher poderia deixar o recinto das cobras por 30 minutos a cada dia sem que a tentativa fosse considerada, o homem se recusou a abandonar sua jaula montada no B.J. Medical College, em Pune.

    Durante os três dias e três noites, o indiano mostrou uma verdadeira habilidade para lidar com as criaturas. Eventualmente, Neelam precisava tirar gentilmente alguma cobra que cismava em escalar o seu corpo, mas em nenhum momento chegou a ser mordido.

    Posteriormente, a marca histórica o ajudou a construir o Parque de Cobras Katraj em parceria com a Corporação Municipal de Pune, o qual daria espaço no futuro para a inauguração do Jardim Zoológico Rajiv Gandhi.

    *Com informações do Mega Curioso.

    Leia mais

    Homem 'esbarra' em sucuri de três metros durante banho em rio; confira

    Cachorro sobrevive a ataque de leão em floresta; confira o vídeo

    Homem flagra garra assustadora atravessando teto de banheiro; confira