Fonte: OpenWeather

    EUA


    Adolescentes fogem de orfanato e trocam tiros com a polícia na Flórida

    Um garoto de 12 anos e uma menina de 14 trocaram tiros com as armas que encontraram em uma casa invadida por eles

     

    Pedestres afirmaram que ouviram o som de vidro quebrando no local e então alertaram os policiais
    Pedestres afirmaram que ouviram o som de vidro quebrando no local e então alertaram os policiais | Foto: Reprodução


    “Os policiais fizeram tudo que puderam, nesta noite, para evitar a escalada do confronto, e quase perderam suas vidas para um garoto de 12 anos e uma menina de 14”, disse o xerife do condado de Volusia, Mike Chitwood, após tiroteio entre dois adolescentes e policiais da localidade ocorrido na noite de terça-feira (1º).

    Os jovens fugiram de um orfanato e trocaram tiros com as armas que encontraram em uma casa que invadiram na cidade de Enterprise, segundo um informe do gabinete do xerife.

    A menina foi atingida e ferida depois de ter apontado uma espingarda para os agentes. “O menino de 12 anos, que estava com uma AK-47, largou a arma pouco depois e não se feriu", afirmou o comunicado.

      A menina foi submetida a uma cirurgia e estava em condições estáveis, de acordo com as autoridades. Nenhum policial foi ferido no tiroteio, que ocorreu na noite de terça-feira.  


    Há acusações anteriores contra os dois adolescentes, que não foram especificadas pelo Departamento de Polícia. As crianças fugiram do orfanato Florida United Methodist Children's Home na tarde de terça-feira e algumas horas depois elas invadiram a casa em Enterprise. Pedestres afirmaram que ouviram o som de vidro quebrando no local e então alertaram os policiais.

      Os agentes cercaram a casa e, naquele momento, conforme explicou o comunicado, tiros começaram a ser disparados na direção dele. Na casa invadida havia uma pistola, uma espingarda e uma AK-47, além de uma grande quantidade de munição. Ao longo de 35 minutos, quatro trocas de tiro ocorreram.  


    “Os policiais fizeram tudo que puderam, nesta noite, para evitar a escalada do confronto, e quase perderam suas vidas para um garoto de 12 anos e uma menina de 14”, disse o xerife do condado de Volusia, Mike Chitwood.

    * Com informações do jornal O Globo


    Leia Mais:


    Duas pessoas morrem e 20 ficam feridas após ataque em Miami

    Tiroteio em pátio ferroviário na Califórnia deixa ao menos 8 mortos

    Cinco pessoas são baleadas na Louisiana nos Estados Unidos