Fonte: OpenWeather

    Desabamento


    Criança brasileira e seu pai estão entre desaparecidos em Miami

    Mãe do garoto estava visitando familiares em outra cidade no Colorado no momento do incidente

     

    Em seu perfil nas redes sociais, Raquel disse que aguarda notícias de Alfredo e do filho
    Em seu perfil nas redes sociais, Raquel disse que aguarda notícias de Alfredo e do filho | Foto: Reprodução/Facebook


    O número de mortos em desabamento de parte de um prédio no norte de Miami Beach subiu para quatro nesta sexta-feira (25), e mais 150 estão desaparecidos. Entre eles, uma criança brasileira de cinco anos e seu pai, o italiano Alfredo Leone. A mãe do garoto, Raquel Oliveira, estava visitando familiares em outra cidade no Colorado no momento do incidente.

    Em seu perfil no Facebook, ela diz que o marido e o filho estavam dormindo quando o prédio desabou e que aguarda notícias deles.

    "

    Nesse momento não há nada que possamos fazer além de esperar. Sei que todos querem saber notícias com muita aflição, mas não consigo responder a todos e estou ficando cada vez mais ansiosa com tanta informação e perguntas. Eu não tenho respostas "

    ,

     


    “Obrigada por tudo que cada um está fazendo, me sinto muito apoiada. Nesse momento realmente não preciso de nada, só saber deles. Toda a minha vida estava naquele apartamento”, completou.

    Sons de batidas e ruídos

    Equipes de resgate vasculham toneladas de escombros, com cães treinados e sonares, em busca de sobreviventes.

      As equipes de busca detectaram sons de batidas e outros ruídos, mas nenhuma voz vinda da pilha de destroços horas depois que uma grande parte do condomínio Champlain Towers South na cidade de Surfside, ao norte de Miami Beach, desmoronou.  


    Imagens capturadas por uma câmera de segurança nas proximidades mostraram um lado inteiro do prédio desmoronando em duas seções, uma após a outra, levantando nuvens de poeira por volta de 1h30 (2h30, no horário de Brasília) na quinta-feira.

    O que fez com que o prédio de 40 anos desabasse em segundos ainda é um mistério, embora as autoridades locais tenham dito que a torre de 12 andares estava passando por obras em alguns setores.


     * Com informações da Folha de São Paulo


    Leia Mais:

    Vídeo: parte de prédio desaba em área nobre de Miami