Fonte: OpenWeather

    Assassinato


    Polícia prende acusado de matar torcedor do Botafogo no ano passado

    Diego Silva dos Santos morreu durante uma briga antes do clássico Botafogo x Flamengo no Engenhão, pelo Campeonato Carioca no ano passado

    Tabajaras, que é ex-presidente da Torcida Jovem Fla, foi um dos oito denunciados | Foto: Reprodução/Twitter

    Manaus - Policiais civis prenderam nessa segunda-feira (23) Wallace Costa Mota, conhecido como Tabajaras. Ele é acusado de envolvimento na morte do torcedor do Botafogo Diego Silva dos Santos, de 28 anos, em fevereiro do ano passado.

    Segundo a Polícia Civil, Wallace estava foragido desde março de 2017. De acordo com o laudo do Instituto Médico-Legal, o torcedor botafoguense morreu depois de ter sido perfurado várias vezes por torcedores do Flamengo, com um espeto de churrasco. A arma do crime tinha sido furtada de um bar perto do Engenhão.

    Leia também: Kits promocionais para a Meia Maratona Sustentável só até o dia 30

    O assassinato ocorreu antes de um jogo entre Flamengo e Botafogo, pelo Campeonato Carioca, no entorno do Estádio Nilton Santos, o Engenhão, no Engenho de Dentro, na zona norte da cidade. Tabajaras, que é ex-presidente da Torcida Jovem Fla, foi um dos oito denunciados pelo Ministério Público à Justiça, acusados da morte de Diego.

    Leia mais:

    Seleção Brasileira atropela a Colômbia e conquista a Copa América 2018 

    Amazonas deverá sediar grandes eventos esportivos ainda este ano 

    Estadual de Tiro com Arco reúne atletas renomados em Manaus