Fonte: OpenWeather

    Feminicídio


    Grávida de 8 meses é morta com 12 facadas pelo ex-marido

    Suely tenta escapar, mas não consegue, e acaba sendo atingida por 12 facadas

    Imagens mostram Suely Fernandez Argani, 24 anos, sendo seguida por Ygor Rivas na manhã desta sexta-feira. O ex-marido boliviano agarra a jovem pelo braço, a joga no chão e a arrasta pela calçada. Suely tenta escapar, mas não consegue, e acaba sendo atingida por 12 facadas. Então, o ex-companheiro foge.

    A jovem, que estava grávida de 8 meses do novo namorado, tenta pedir socorro, levanta e caminha até a porta de uma igreja evangélica. Em vão. Ela morre no local, assim como o bebê. Suely e Ygor foram casados por seis anos e tiveram dois filhos, e o homem passou a perseguir a mulher desde a separação, que aconteceu há um ano e meio.

    A jovem foi ameaçada e agredida pelo marido diversas vezes durante o relacionamento. Ela chegou até mesmo a ser esfaqueada, mas, naquele momento, conseguiu escapar. Suely tinha uma medida protetiva para que Ygor não se aproximasse dela, mas ele nunca respeitou a ordem da Justiça.

    Segundo a família, a polícia foi avisada, mas o rapaz sempre escapava. O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios, e Ygor está foragido. De acordo com a polícia, ele foi visto depois do crime em Guarulhos, cidade da Grande São Paulo.

    Veja a reportagem do SBT:

    | Autor: SBT Notícias