Fonte: OpenWeather

    Correios


    Comissão Filatélica apresenta os temas da programação de selos 2021

    As propostas foram enviadas pelo público e representa diversas temáticas

    O público já pode apresentar suas sugestões de selos para 2022, por meio da página Sua Ideia Pode Virar Selo
    O público já pode apresentar suas sugestões de selos para 2022, por meio da página Sua Ideia Pode Virar Selo | Foto: Reprodução

    A 118ª Comissão Filatélica Nacional (CFN) recebeu, no ano passado, mais de 600 sugestões de temas para emissões e elegeu oito, que farão parte da Programação Anual de Selos Comemorativos e Especiais 2021.

    Em um processo totalmente digital, as propostas foram enviadas pelo público por meio da página Sua Ideia Pode Virar Selo, disponível no site dos Correios. Também foi feita a triagem e análise do material para realização de votação online pela CFN. O resultado da votação foi homologado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicação (MCTIC).

    Abaixo, segue a lista com os temas vencedores:

    1.      Profissão - Gari;

    2.      Centenário da descoberta da Insulina;           

    3.      Ano Internacional para eliminação do Trabalho Infantil;       

    4.      Queijos do Brasil;           

    5.      Sesquicentenário da Lei do Ventre Livre;          

    6.      O Auto da Compadecida;       

    7.      Rendas brasileiras; e       

    8.      Fauna brasileira.

    História 

    A CFN é um colegiado criado em meados dos anos 1940. O antigo Departamento de Correios e Telégrafos instituiu uma comissão que era responsável por captar as propostas de selos comemorativos e especiais, além de cuidar de todos os outros tipos de selos e formas de franqueamento e organizar exposições filatélicas.

    A comissão mais similar à que hoje conhecemos foi instituída pelo Decreto 44.745/1958, assinado pelo então presidente Juscelino Kubitschek. Pelo documento, a comissão deveria cuidar do recebimento e avaliação de propostas dos selos comemorativos, processo feito até 15 de novembro do ano anterior ao lançamento dos selos. Neste momento, passou a ser formada por um colegiado misto, composta por membros dos Correios e instituições externas, como Ministério da Educação e Cultura, Ministério das Relações Exteriores e Casa da Moeda.

    Novas propostas 

    O público já pode apresentar suas sugestões de selos para 2022, por meio da página Sua Ideia Pode Virar Selo, no site dos Correios, após realização de cadastro.

    *Com informações da assessoria