Fonte: OpenWeather

    Crime


    Mulher decapita filha de 9 meses e é presa

    A mulher disse à polícia que toma remédios controlados por conta de problemas psiquiátricos e que não se lembra do que aconteceu

    A mãe contou à polícia que toma remédios controlados por conta dos problemas psicológicos que sofre
    A mãe contou à polícia que toma remédios controlados por conta dos problemas psicológicos que sofre | Foto: Divulgação

    Jéssica Silva, de 27 anos, foi presa após matar a própria filha, de 9 meses, na tarde desta segunda-feira (29), em São Bernardo do Campo, em São Paulo. A bebê foi decapitada pela mãe, que teria tido um surto psicótico. A mulher ainda tentou atacar a outra filha de 9, mas foi impedida pelo cunhado. 

    O crime aconteceu no décimo segundo andar de um condomínio de luxo. Ao ouvirem os gritos vindos do apartamento, os vizinhos acionaram os policiais, que, ao chegarem no local, já encontraram a criança sem vida. A segunda filha e o cunhado foram levados para o hospital. 

    A mãe contou à polícia que toma remédios controlados por conta dos problemas psicológicos que sofre. A mulher é casada com um médico haitiano, mas ele não estava no local na hora do ataque. A mulher disse, ainda, que não se lembra do que aconteceu. 

    A ocorrência foi registrada como flagrante de homicídio qualificado, no 1° Distrito Policial (DP) de São Bernardo do Campo.  

    Veja o vídeo:

    Leia mais:

    Polícia apreende mais de mil toneladas de drogas em seis meses

    Estado de São Paulo registra 14,3 mil mortes por novo coronavírus

    Alerta: homem se veste de Pateta e ameaça crianças nas redes sociais