Fonte: OpenWeather

    Crime


    Suspeito de matar própria esposa, marido diz que arma disparou sozinha

    O suspeito está preso e deve responder por homicídio culposo

    A família não acredita que o disparo que matou a moça foi sem querer
    A família não acredita que o disparo que matou a moça foi sem querer | Foto: Divulgação

    A polícia investiga o óbito de uma jovem de 24 anos, em Ferraz de Vasconcelos, na região metropolitana de São Paulo, no último sábado (11). Jaqueline Silva Fernandes morreu com um tiro no peito, disparado pelo seu próprio marido, o motoboy Felipe Santos Silva, que alega ter ocorrido um acidente. 

    A família não acredita que o disparo que matou a moça foi sem querer. A tia da vítima, Julcinéia Souza Lima, disse que, ao chegar na casa da sobrinha, se deparou com ela já caída e com marcas de sangue. "Ele [Felipe] fala que estava limpando a arma. Se foi acidental, pega na costela, pega no computador, mas não direto no coração, né", lamenta. 

    Na residência do casal, os policiais encontraram um revólver calibre 22 com numeração raspada. O suspeito está preso e deve responder por homicídio culposo, ou seja, quando não há intenção de matar, e por porte ilegal de arma de fogo. 

    Veja a reportagem

    | Autor:
     

    Leia mais

    Veja! vizinha flagra jovem surda sendo agredida por companheiro

    Marido encontra corpo de mulher dentro de geladeira

    Adolescente mata amiga com tiro acidental em condomínio de luxo