Estupro de Vulnerável


Vídeo: Jovem de 19 anos é preso acusado de estuprar a irmã de apenas 8

O agressor negou o crime e ameaçou os agentes do Conselho Tutelar com uma faca ao ser questionado

| Autor:

| Foto:

Um jovem de 19 anos foi preso acusado de estuprar a própria irmã de apenas oito anos. Outro irmão da vítima fez a denúncia ao Conselho Tutelar de Itariri, uma pacata cidade do litoral de São Paulo, após a criança relatar dores nas partes íntimas. A menina afirmou que José Andrado, estudante, aproveitou quando estavam sozinhos em casa para atacá-la dentro do banheiro.  

Quando os conselheiros chegaram à residência da família, José, demonstrando frieza, ameaçou os profissionais com uma faca, negando o que a irmã havia contado. "Ele colocou uma faca em cima da mesa, disse que ia dar um tiro na cabeça, que ele não fez nada. Que poderiam fazer quantos exames fossem que ia dar negativo", conta Arielly Oliveira, conselheira tutelar. 

A vítima passou por exames médicos, que comprovaram o estupro. O agressor foi preso temporariamente e encaminhado para a penitenciária de Peruíbe, também no litoral paulista. 

Segundo relatos da própria garota, essa não foi a primeira vez que ela foi abusada pelo irmão, que, depois dos laudos comprovarem os abusos, confessou ter "perdido o controle algumas vezes". Agora, a criança vai passar por tratamento psicológico para tentar se recuperar do trauma. 

O pai da menina quer que a justiça seja feita. "O que ele fez tem que pagar, que fique um ano, dois anos, três anos, quatro anos, cinco anos. Tem que pagar. Aí vai determinar da Justiça", afirma José Carlos de Oliveira, lavrador e pai da vítima. 

Veja reportagem

| Autor:
 

Leia mais

Estuprador de criança é caçado por moradores do Careiro da Várzea

Menino era estuprado por padrasto em férias na casa da mãe em Manaus

Venezuelano preso por estupro em Manaus observava vizinha no banho