Afastamento


Igrejas filiais de Flordelis fecham as portas no Brasil

Cinco igrejas já foram fechadas após repercussão do assassinato de Anderson: "Ela perdeu credibilidade"

 

Só na semana do crime, cerca de 400 membros se desligaram da igreja
Só na semana do crime, cerca de 400 membros se desligaram da igreja | Foto: Divulgação

Manaus – As cinco das sete igrejas pertencentes à deputada federal Flordelis (PSD-RJ), foram fechadas por conta do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo. No passado, apenas uma das igrejas chegou a somar 5 mil membros, mas hoje só tem 200.

Apesar de suspeitas e denúncias realizadas contra a deputada, Flordelis continua fora do sistema prisional por ter imunidade parlamentar pela sua função no Rio de Janeiro. Com o escândalo e a repercussão do caso, que vêm revelando novas descobertas, cada vez mais capciosas, os fiéis estão se afastando gradativamente. Só na semana do crime, cerca de 400 membros se desligaram da igreja.

Em 2019, havia um projeto da construção de uma nova sede que, inclusive, era acompanhada por Anderson. 

Leia mais:

Bomba é jogada na casa de testemunha da morte do marido de Flordelis

Flordelis revela TUDO sobre morte de marido a Cabrini: veja vídeo

Flordelis permitia que marido fizesse sexo com filha adolescente