Acidente


Helicóptero da Força Nacional cai no Pantanal em ação contra queimadas

Três tripulantes ficaram feridos; o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) foi acionado

| Foto: Divulgação

Um helicóptero enviado pela Força Nacional para ajudar a controlar as queimadas no Pantanal  caiu na tarde desta quinta-feira (8), na região de Porto Jofre, em Poconé (MT). A informação foi confirmada pelo Centro Integrado de Operações Aéreas de Mato Grosso (Ciopaer). Três tripulantes ficaram feridos. Eles foram resgatados e encaminhados a Cuiabá para atendimento médico.

Segundo nota do Ministério da Justiça, um dos tripulantes sofreu fratura exposta na perna. "Os primeiros socorros foram prestados por equipe de apoio da Força Nacional enviada para resgate. As causas do acidente ainda serão investigadas", diz o texto.

A aeronave, modelo esquilo, saiu de Corumbá (MS) por volta das 12h desta quinta-feira com destino a  Porto Jofre,  local que concentra as equipes de combate ao fogo no pantanal de Mato Grosso. Caiu cerca de 7km antes da parada final.

Estavam na aeronave o comandante Renato de Oliveira Souza, da Polícia Civil do Distrito Federal (DF), o copiloto Luiz Fernando Berberick, da Polícia Civil do Rio de Janeiro (RJ), e o 2° sargento PM Emerson Miranda Martins, da Polícia Militar (PM) do Rio de Janeiro.

Investigadores do Sexto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos, órgão regional do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa ),  já foram acionados.

"A Ação Inicial é o começo do processo de investigação e possui o objetivo de coletar dados: fotografar cenas, retirar partes da aeronave para análise, reunir documentos e ouvir relatos de pessoas que possam ter observado a sequência de eventos", diz nota do órgão.

*Com informações de O Globo

Leia mais:

'Desmatadores' da Amazônia são cobrados em R$ 893 milhões

Retorno das chuvas pode levar nova tragédia ao Pantanal

Na ONU, Bolsonaro nega incêndios e afirma campanha contra governo

| Foto: Divulgação