Auxílio emergencial


Mais de 200 milionários em SP pediram auxílio emergencial, diz TCU

Em São Paulo há indícios de que 48 candidatos a vereador receberam auxílio emergencial com patrimônio declarado superior de R$ 300 mil

Todos possuem renda superior a R$ 1 milhão
Todos possuem renda superior a R$ 1 milhão | Foto: Reprodução

O Tribunal de Contas da União (TCU) afirmou eu no estado de São Paulo mais de 200 candidatos beneficiados pelo auxílio emergencial, possuem patrimônio que ultrapassa R$ 1 milhão. 

Na capital de São Paulo, há indícios de que 48 candidatos a vereador receberam auxílio emergencial, mesmo com patrimônio declarado acima de R$ 300 mil.

Já no estado de São Paulo, 1.980 candidatos, entre vereadores, prefeitos e vice-prefeitos foram beneficiados pelo programa. 

São pelo menos 200 candidatos com patrimônio além de R$ 1 milhão, sendo que o maior valor listado é de R$350 milhões.

Estão na lista candidatos que declararam patrimônio igual ou superior a R$ 300 mil, e que receberam alguma parcela do auxílio emergencial, até julho de 2020. Seja na forma inicial de R$ 600, ou residual de R$ 300.

A renda apresentada pelos candidatos é incompatível com as regras do auxílio emergencial, benefício instituído durante a pandemia do novo coronavírus, pela Lei de nº 13.982/2020, que prevê o repasse de R$ 600 mensais a trabalhadores informais e de baixa renda.

*R7

Leia mais

'Expomulher' reúne empreendedoras no Palacete Provincial 

Previdência privada deve fechar ano com R$ 1 trilhão em investimentos