Fonte: OpenWeather

    Confusão


    Policiais forjam agressão a si mesmos após prisão de rapper em SP

    VEJA VÍDEO: Após confusão durante a prisão de Salvador da Rima, policiais levaram celular da namorada do rapper, que estava em live e gravou toda a conversa no caminho para a delegacia

     

    O rapper foi preso na casa de amigos. Ainda não se sabe o motivo da prisão
    O rapper foi preso na casa de amigos. Ainda não se sabe o motivo da prisão | Foto: Divulgação

    O rapper Salvador da Rima foi preso na Zona Leste de São Paulo, na manhã deste sábado (27). Na ocasião se gerou uma grande confusão, que foi gravada por amigos do cantor e divulgada nas redes sociais. Nos vídeos, os policiais prendem Salvador de forma agressiva, enquanto os amigos tentam apaziguar a situação. Não se sabe ainda o motivo da detenção.

    O amigo de Salvador, MC Cebezinho foi quem gravou o momento de agressão das autoridades. No vídeo, é possível ver que a camisa do rapper aparecia rasgada e seu corpo com escoriações, resultado da prisão violenta.

    A noiva de Salvador, Kelly Araújo estava no local e fazia uma live quando teve seu celular levado pelos policiais. Porém, o vídeo ao vivo continuou e registrou o momento em que os policiais tentaram forjar agressões em si mesmos, para incriminar o rapper e os amigos. 

    “Machuca a mão ai e o rosto… Eu bato a testa aqui…”, diz um policial, sem saber que estava sendo gravado. “Vamos botar o Fernando para apresentar” diz outro. “Tinha que nos apresentar como vítima mesmo”, responde o primeiro policial.

    O assessor de Salvador da Rima, Matheus Lucas, gravou um vídeo onde explica como a situação se desencadeou. Segundo o rapaz, Salvador estava na companhia de amigos, no portão de uma residência, onde se preparava para ir a uma partida de futebol, quando os policiais chegaram “apontando a arma” para eles. Os policiais também teriam tirado as joias que o MC usava no momento da abordagem. 

    Amigos, a equipe e os advogados da produtora GR6 Explode foram para o 67ª Distrito de Polícia de Itaquera, para onde o rapper foi levado e está detido. O caso ainda está sendo investigado.

    Leia Mais:

    Homem é preso após acusação de roubo em lanchonete de Manaus

    'Barbie do Crime' se entrega à polícia após aplicar mais de 100 golpes

    Réu confesso no caso Miss Manicoré, Rafael dispensa defesa particular