Fonte: OpenWeather

    Covid-19


    Goiânia e Curitiba suspendem aplicação da 1ª dose de vacinas

    Vacinação de idosos foi interrompida em Maceió, Rio Branco e Teresina

    Por falta de vacina, Goiânia e Curitiba não estão aplicando a 1ª dose do imunizante contra Covid-19 nesta sexta-feira (9)

     

     Falta de imunizantes já havia levado à suspensão da aplicação da 1ª dose em fevereiro e em março no Brasil
    Falta de imunizantes já havia levado à suspensão da aplicação da 1ª dose em fevereiro e em março no Brasil | Foto: Divulgação

    . Em outra 3 capitais (Maceió, Rio Branco e Teresina), essa aplicação está suspensa para os idosos em geral, mas segue para outros grupos específicos como profissionais de saúde e segurança.

    Além dessas 5, outras 3 capitais estavam com a aplicação da 1ª dose suspensa para todos os públicos ou para os idosos, mas retomaram nesta sexta: Fortaleza, Brasília e Macapá.

    Em todas elas, a aplicação da 2ª dose foi mantida.

    A falta de imunizantes já havia levado à suspensão da aplicação da 1ª dose em fevereiro e em março no Brasil. 

    Procurado, o Ministério da Saúde disse ter enviado doses a todos os estados na quinta-feira (8), o que faz “toda semana”, e que a responsabilidade é dos estados e municípios.

    As prefeituras de Goiânia e Curitiba afirmaram que as novas doses enviadas pelo governo federal chegaram nesta quinta-feira (8), mas que não foi possível retomar a vacinação por questões logísticas.

    Segundo autoridades locais, esta sexta-feira (9) será usada para distribuir os imunizantes nos locais de aplicação. Goiânia retoma a imunização neste sábado (10), e Curitiba informará a data do retorno ainda nesta sexta.


    * Com informações do G1


    Leia Mais: 


    Caso Henry: vereador Dr. Jairinho tem salário e mandato suspensos


    Prazo de inscrições para o Sisu termina nesta sexta-feira (9)


    Príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth II, morre aos 99 anos