Fonte: OpenWeather

    Pandemia


    Pela segunda vez, Brasil supera EUA em mortes por Covid-19

    Brasil registra 175,6 mortes/100 mil e os EUA, 171,4/100 mil

     

    Na quinta-feira (15), Brasil registrou 171,9 mortes a cada 100 mil brasileiros
    Na quinta-feira (15), Brasil registrou 171,9 mortes a cada 100 mil brasileiros | Foto: Vincent Bosson/FotoArena

    Pela segunda vez na pandemia, o Brasil passou os Estados Unidos em número de mortes por Covid-19 por 100 mil habitantes.

    Na última quinta-feira (15), segundo dados da Universidade Johns Hopkins (EUA) e do site Our World in Data, o Brasil tinha 171,9 mortes a cada 100 mil brasileiros. Enquanto isso, os EUA registrava 170,8 mortes por Covid a cada 100 mil americanos.

    Naquele dia, o Brasil, com 212 milhões de habitantes, registrava 365.954 óbitos pela Covid-19 desde o início da pandemia. Os Estados Unidos, com mais 330 milhões de habitantes, tinha no total 565.363 mortes.

    A diferença de taxas entre os dois países continuou a aumentar desde então. Com os dados mais recentes de ambos, o Brasil registra 175,6 mortes/100 mil e os EUA, 171,4/100 mil.

    Apesar de os Estados Unidos serem o país com o maior número de mortes desde o início da pandemia, a situação da nação começou a mudar no início deste ano, com a troca de presidente: saiu Donald Trump, que minimizava a pandemia e desestimulou medidas com eficácia comprovada, como o uso de máscaras, para dar lugar a Joe Biden.

    Desde então, o democrata vem cumprindo as promessas de ouvir especialistas, impor distanciamento social e estimular a adoção das proteções faciais.


    * Com informações da Folha de S. Paulo


    Leia Mais:


    Que tal ganhar R$ 38 mil para se infectar com o coronavírus?

    Carro é imprensado entre carretas e cinco morrem; veja vídeo

    Motoristas e cobradores de São Paulo realizam greve nesta terça-feira