Fonte: OpenWeather

    Morte


    Engenheiro morre picado por abelhas enquanto reformava telhado

    A prefeitura relata que Rhuan foi atacado por um enxame em uma obra municipal

     

    A prefeitura relata que Rhuan foi atacado por um enxame por volta de 16 horas
    A prefeitura relata que Rhuan foi atacado por um enxame por volta de 16 horas | Foto: Divulgação

    O engenheiro civil Rhuan Karlo de Queiroz Souza, de 32 anos, morreu após levar picadas de abelhas em Bela Vista de Goiás, na Região Metropolitana de Goiânia. De acordo a secretária de saúde da cidade, Vanessa Paula de Carvalho, o profissional fazia a reforma do telhado de um prédio público quando foi atacado.

      “A ambulância chegou a levá-lo para o Hospital Municipal Antônio Batista da Silva, mas ele já chegou em parada cardíaca, fizemos os procedimentos, só que ele não resistiu”, diz a secretária.  

    A prefeitura relata que Rhuan foi atacado por um enxame por volta de 16 horas de quarta-feira (9), quando ele estava trabalhando dentro do forro do prédio do Fundo Municipal Previdência Social dos Servidores de Bela Vista de Goiás (Previbel). A secretária não soube informar se ele era alérgico à abelha.

    Após a morte de Rhuan, a prefeitura explica que fechou a obra e pediu que a população não se aproxime do local. O Corpo de Bombeiros diz que foi ao prédio nesta quinta-feira (10) retirar os insetos. Até as 16h20, a construção seguia interditada.

    *Com informações do G1

    Leia Mais:

    'Ninguém pensa em casar quando sexo não é bom', diz Marcella Rica

    Bolsonaro diz que 'joga dentro das quatro linhas' da Constituição

    Wilson Lima não foi à CPI da Covid por crise no Amazonas, diz nota