Fonte: OpenWeather

    No Brasil


    Redemoinho de fogo é filmado em Pantanal; veja vídeo impressionante

    Veja o momento em que o fenômeno deixa rastros de destruição

     

    Apesar de parecer incomum, esse fenômeno é normal no Centro-Oeste do Brasil nos meses de setembro e outubro
    Apesar de parecer incomum, esse fenômeno é normal no Centro-Oeste do Brasil nos meses de setembro e outubro | Foto: Reprodução

    As altas temperaturas e o clima seco, de acordo com a MetSul Meteorologia, causaram um redemoinho de fogo em Paraguai-Mirim (MS), ao norte de Corumbá, nesse sábado (25). 

    Em Corumbá a temperatura chegou a 38,9ºC, no sábado, e no domingo a máxima aumentou, chegando a casa dos 39,3ºC.

    Apesar de parecer incomum, esse fenômeno é normal no Centro-Oeste do Brasil nos meses de setembro e outubro, quando o clima está muito quente e a vegetação muito seca.

    Veja o vídeo impressionante:

    Capa do Vídeo
    | Autor: Reprodução
     

    Como são produzidos?

    Tornados de fogo podem atingir uma altura considerável. Pouca energia é perdida em todo o sistema, pois o ar é trazido principalmente da base, onde menos oxigênio está disponível; portanto, os gases devem viajar para cima até que haja oxigênio suficiente para queimar, contribuindo para a altura do sistema.

    Os físicos são capazes de entender o porquê e como ocorrem os tornados de fogo, mas prever quando e onde eles se formam é extremamente difícil, embora se saiba que é necessária uma forte fonte de rotação. Deve haver um turbilhão intenso de vento e fonte de fogo.

    Relembre 

    O que seria um combate em incêndio deixou os bombeiros da cidade de Colúmbia Britânica, no Canadá, em grandes apuros, no ano de 2018. A mangueira usada para combater o fogo  foi sugada pelo fenômeno nada comum: o tornado de fogo.

    veja vídeo:

    Capa do Vídeo
    | Autor: Reprodução
     

    Os bombeiros tentaram puxar o instrumento de trabalho, mas com tamanha força da natureza, o esforço foi em vão. 

    O redemoinho de fogo chegou a 60 metros de altura durou cerca de 45 minutos e derreteu a mangueira utilizada pelos bombeiros. Na época, um milhão de hectares de floresta foi destruído pelo grande redemoinho de fogo. 

    *Banda B

    Leia mais:

    Redemoinho impressiona banhistas em praia no Maranhão 

    Câmera flagra redemoinho em Marte; veja vídeo