Cotidiano


Candidato a vereador suspeito de estuprar cadela é encontrado morto

De acordo com a polícia, o homem de 54 anos tirou a própria vida. A informação foi confirmada pela Polícia Civil de Goiás.

 

A agressão foi filmada pelo dono da cadela, que gravou um vídeo do crime
A agressão foi filmada pelo dono da cadela, que gravou um vídeo do crime | Foto: Divulgação

O candidato a vereador que estava sendo acusado de estuprar uma cadela em Caldas Novas (GO), foi encontrado morto no último sábado (7). De acordo com a polícia, o homem de 54 anos tirou a própria vida. A informação foi confirmada pela Polícia Civil de Goiás. 

O crime teria ocorrido em 31 de outubro, mas a ocorrência só foi registrada na quarta-feira (4/11).

Conforme a denúncia, o dono do animal, que seria vizinho do suspeito, fez as imagens ao perceber os abusos. O delegado titular de Caldas Novas disse que o animal e o local onde teriam ocorrido os maus-tratos passaram por perícia.

No dia anterior à morte, o suspeito foi até a delegacia registrar a perda de documentos e teria deixado uma carta pedindo perdão pelos crimes cometidos.

A investigação sobre a morte segue com a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG). O caso da cadela será encerrado devido à extinção da punibilidade.

*Com informações do site Metrópoles

Leia mais: 

Como denunciar maus-tratos contra animais em Manaus?

Estupro contra cães preocupa protetores de animais em Manaus