Fonte: OpenWeather

    Sanduíche amazônico


    X-Caboquinho: conheça benefícios do lanche que é patrimônio de Manaus

    É fã do sanduíche? Então aproveite para conhecer benefícios e sentimentos que são passados pelo queridinho do Amazonas

     

    | Foto: Divulgação

    Manaus – Pão francês, queijo coalho, banana pacovã frita e tucumã. Esses são os ingredientes que formam um dos sanduíches mais consumidos pelos manauaras. Mas o sucesso do lanche vai muito além do preparo. Conheça mais sobre o queridinho do Amazonas.

    Segundo a nutricionista clínica, Ana Rita Gaia, o tucumã pode ser uma boa fonte para rejuvenescimento e até usado para combater o diabetes.

    “O fruto é rico em nutrientes importantes para a nossa saúde, que vem sendo utilizada para ajudar a prevenir e a tratar o diabetes, pois é rica em ômega-3 e gordura, diminuindo a inflamação e o colesterol alto, ajudando também no controle do nível de açúcar no sangue", afirmou.

    Além do ômega-3, o tucumã também é rico nas vitaminas A, B1 e C, tendo um alto poder antioxidante que é responsável por prevenir o envelhecimento precoce e fortalecer o sistema imunológico.

    Já o queijo coalho, outra ingrediente do sanduíche, é composto por "peptídeos bioativos, com propriedades antioxidantes (combatem os radicais livres), antimicrobianas e carreadoras de zinco, mineral com função de ativar enzimas que multiplicam as células de defesa", explicou o biólogo Roberto Afonso da Silva, em entrevista ao site Jornal do Dia.

    Por último, a banana-da-terra auxilia na redução do estresse, fortalecimento dos ossos, amenização de câimbras, melhora da visão e até no combate a verrugas. A informação é do site Banana, especializado em informações sobre a fruta.

    Não bastassem os benefícios para a saúde, o sanduíche também é capaz de causar um sentimento em quem o consome. É o que diz a amazonense Ericka Soares, de 26 anos, que é fã do alimento.

    "Acho justo o X-Caboquinho ser um patrimônio de Manaus, pois é praticamente um prato típico nosso, e tem todo um sentimento envolvido", comenta a jovem.

    Patrimônio imaterial de Manaus

    Apresentado pelo vereador Isaac Tayah (DC), em 2019, um Projeto de Lei tornou o sanduíche amazônico patrimônio cultural e imaterial de Manaus.

    De acordo com o autor do projeto, a finalidade do PL é proteger o sanduíche 'sensação' entre os manauaras, e que faz sucesso também entre os turistas que visitam a capital amazonense.

    Em pesquisa realizada pelo site de viagens TripAdvisor, que fornece informações e opiniões de conteúdos relacionados ao turismo, o X-Caboquinho foi considerado excelente por 86% dos turistas que experimentaram o sanduíche, durante visita à Manaus.

    Combinação perfeita

     

    Lanche é o favorito de muitos manauaras
    Lanche é o favorito de muitos manauaras | Foto: Divulgação

    Chef e professor do curso de gastronomia do Centro Universitário Fametro, Bruno Leitão explica que o lanche é uma combinação perfeita, por isso faz tanto sucesso. 

    "O queijo coalho entra com seu sabor levemente salgadinho, que acaba sendo quebrado com o adocicado da banana pacovã frita, e por fim, o sucesso do sanduíche: o sabor exótico do tucumã. E com a junção desses insumos, o amazonense consome um dos sanduíches que mais representa a autenticidade da cozinha brasileira", contou.

    Outra curiosidade são os diversos tipos de tucumã. Segundo os especialistas da Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuária (Embrapa), o tucumã da Amazônia, principal ingrediente do X-Caboquinho, é único. Em outros estados, ele muda de cor e até de sabor, e muitas vezes nem chega a ser usado como iguaria, mas em Manaus é um verdadeiro sucesso.

    Leia mais:

    Confira cinco receitas de rabanadas para o Natal

    Nutricionista dá dicas para uma ceia de Natal nutritiva

    Como fazer panetone e bolotone de liquidificador para ceia; veja aqui