Fonte: OpenWeather

    Cultura


    Corrida contra o tempo nos barracões das escolas

    Uma corrida contra o tempo – foto: Ione Moreno
     
     
    Em meio a soldas, colas, TNT e ferragens, os artistas plásticos das escolas de samba do Grupo Especial tentam superar o pouco tempo para confecção dos carros, atraso no repasse das verbas, corte no fornecimento de energia elétrica nos barracões e correm para finalizar os trabalhos nos carros alegóricos.
     Faltando dois dias para o desfile, a maioria das escolas está com  mais de 80% dos carros prontos, faltando somente colocar os adereços e a finalização de pinturas.
    No barracão do Grêmio Recreativo Escola de Samba Sem Compromisso, o andamento está dentro do esperado, segundo Getulio Lôbo, vice-presidente. Porém, ele diz que se as escolas tivessem recebido as verbas com antecedência, tudo estaria ainda mais adiantado e acrescenta que os valores ficam mais altos.
    Com 22 pessoas trabalhando na montagem e confecção dos carros alegóricos, o Grêmio Recreativo Escola de Samba Vitória-Régia, que homenageará os 100 anos do Nacional Futebol Clube, está com o carro abre-alas faltando apenas detalhes, assim como os outros quatro carros e os três tripés estão na fase de montagem, de acordo com Mize Costa,  presidente da verde e rosa.
    Até amanhã (sexta-feira), 98% do Carnaval do Grêmio Recreativo Escola de Samba A Grande Família, deve estar pronto. Faltando os detalhes finais serem concluídos no dia do desfile.
    Apesar de reclamar do pouco tempo (20 dias) para preparação do Carnaval do Grêmio Recreativo Presidente Vargas, Garcia Neto, que preside a escola que contará a história do Rio Negro Cube, afirma que hoje mais de 80% dos carros estarão prontos. “São poucos dias para fazer tudo, mas graças a Deus tudo dará certo”, afirmou. Com o enredo ‘Quem desdenha quer comprar. Uma Odisseia contada em Cifrões’, o Grêmio Recreativo Escola de samba Balaku-Blaku, que tem 13 pessoas trabalhando nos barracões, sob a coordenação do artista plástico Natalício, está com seus carros entrando na etapa de finalização.
    O Grêmio Recreativo Escola de Samba Mocidade Independente de Aparecida que terá como enredo ‘Nhamundá: uma viagem pelo rio das Iacamiabas’, também terá seus trabalhos finalizados na sexta-feira, conforme Ozéas Bentes, o artista que é responsável pela confecção de todos os cinco carros da escola. “Temos 31 pessoas trabalhando e agora estamos dando o acabamento nos carros”, adianta.
    Da mesma forma, o Grêmio Recreativo Unidos do Alvorada segue as outras escolas e finaliza seus carros amanhã, adianta o presidente Haroldo Linhares.
     
    Atraso nos carrosApesar da maioria das agremiações estar com seus trabalhos adiantados,  o Grêmio Recreativo Escola de Samba Reino Unido da Liberdade é a  escola que tem, nitidamente, os  carros em estágio mais atrasado.  Até ontem, somente um carro estava em fase de finalização e os demais apresentavam as ferragens ainda expostas. No total, a agremiação tem 50 pessoas trabalhando incessantemente para entregar os carros alegóricos.   
    Entretanto, Fernando Dias, carnavalesco da verde e branca, promete que tudo estará terminado no dia do desfile, além da escola ir à avenida com o objetivo de disputar o título 2013. “Os adereços estão prontos para serem aplicados sob as ferragens. Na verdade temos três carros para serem decorados e dois nas ferragens. Não há com que haver preocupação. Garanto que daremos um show no sambódromo”, aposta.