Carnaval 2020


Andanças de Ciganos conta a história do leite no Sambódromo

A Escola de Samba 'Andanças de Ciganos' levou ao Sambódromo de Manaus um enredo sobre o leite e toda sua importância para a humanidade, com enfoque do crescimento do produto no agronegócio do Amazonas

A escola contou a história do leite
A escola contou a história do leite | Foto: Bruna Oliveira

Manaus - O Grêmio Recreativo Social Andanças de Ciganos foi a terceira a se apresentar na avenida do Sambódromo neste sábado (22), em Manaus. A escola do bairro Cachoeirinha, Zona Sul de Manaus, trouxe como tema "Leite - O Líquido Da Vida No Deleite Do Carnaval’’. 

A comissão de frente da escola trouxe 15 dançarinos com roupas típicas da Grécia antiga. O brilho é a chave principal da primeira aparição. 

De acordo com o presidente do Grêmio Recreativo, o tema foi escolhido porque, além de ser um tema rico, trata do crescimento do agronegócio no Amazonas. "O setor produtivo do leite é um dos que mais cresce no Amazonas, trazendo geração de renda para o Estado", disse.

O carro abre alas lembra o Olimpo, templo sagrado na Grécia antiga. Primeiro mestre-sala e porta-bandeira tiveram problemas na fantasia e precisaram ser amparados pela equipe técnica. O peso da fantasia não permitiu o momento da evolução.

Já as baianas vieram com bonecas no colo e mantos, representando a "Nossa Senhora do Leite".

O primeiro carro alegórico trouxe fé em cores. Esculturas de anjos com espadas e trombetas encheram a alegoria de dourado. Verdadeiros sultões faziam parte da bateria da escola.

Porta-Bandeira teve problemas com a fantasia
Porta-Bandeira teve problemas com a fantasia | Foto: Bruna Oliveira

Da Grécia, a viagem continua na Índia (lugar onde a vaca é animal sagrado), Egito e África com as amas de leite. O carro alegórico com um navio negreiro e grande escultura de uma escrava amamentando foi destaque neste momento do desfile.

A ala com fantasias de cifrões conta o lucro adquirido pela venda do produto mundialmente produzido e exportado.

Uma grande alegoria trouxe a industrialização do leite e a história do produto na Amazônia. O local mais especifico é Autazes, representado com o agronegócio e geração de emprego.

Ala das Baianas da Andanças de Ciganos
Ala das Baianas da Andanças de Ciganos | Foto: Bruna Oliveira

Cheia de simpatia, a rainha de bateria, Rayssa Santos, famosa após participar de um reality show local, encantou o público.

A escola de samba Andanças de Cigano entrou na avenida com 19 alas, quatro carros alegóricos, um tripé e cerca de 3 mil componentes.

Ficha Técnica:

Escola: Andança de Ciganos
Fundação: 16/01/1976
Enredo: Deleite-se: a Andanças traz o "Leite da Vida" para a passarela do Carnaval
Componentes: 3 mil
Samba-enredo: "Leite - O Líquido da Vida no Deleite do Carnaval"
Entrada na Avenida: 22h40