Fonte: OpenWeather

    Literatura


    Veja 10 dicas de livros para ler durante a quarentena

    Para passar a quarentena, nada melhor que uma boa leitura

    Vários aplicativos e lojas estão disponibilizando gratuitamente e-books de livros populares para o público
    Vários aplicativos e lojas estão disponibilizando gratuitamente e-books de livros populares para o público | Foto: Divulgação

    Manaus - Ficar em casa pode requerer um esforço muito grande para as pessoas habituadas com uma rotina agitada e com o passar dos dias, as opções de entretenimento e atividades acabam se esgotando, mas os livros sempre são uma boa companhia e vale a pena procurar uma boa obra para ler. O Portal EM TEMPO preparou uma listagem com indicações de leitura neste período de quarentena.

    Para facilitar o acesso aos livros, vários aplicativos e lojas estão disponibilizando gratuitamente e-books de livros populares para o público.

    Saga Harry Potter, J.K. Rowling

    O órfão Harry Potter foi criado pelos tios e vive infeliz até o aniversário de 11 anos, quando recebe a visita de um bruxo com o convite para ingressar na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts.

    Apesar de já ter sido adaptado para o cinema, os livros mantêm a essência e detalhes que não puderam ser explorados nos filmes. O clássico, que acompanhou o crescimento de uma geração e conquistou uma horda de fãs ao redor do mundo, é repleta de fantasia e romance, prometendo agradar todos os públicos. A saga é composta por 7 livros, e o período de quarentena é ideal para conhecer a série ou repetir a leitura.

    Batalha do Apocalipse, Eduardo Spohr

    Ficção escrita pelo brasileiro Eduardo Spohr, o livro acompanha Ablon, um anjo renegado, que foi expulso do paraíso por não concordar com a atitude dos arcanjos. Condenado a vagar pela terra, ele trava uma jornada através dos tempos com o objetivo de parar a tirania dos arcanjos e impedir o apocalipse.

    A obra recria cenários da criação sob o ponto de vista dos anjos, e apresenta uma leitura leve e fluída para captar o leitor.

    Orgulho e Preconceito, Jane Austen

    Um clássico da literatura, a história se passa em meio a sociedade aristocrática do início do século XIX, e mostra a forma que a protagonista Elizabeth Bennet lida com questões ligadas à educação, cultura, moral e casamento.

    Com adaptação nos cinemas, o livro se mantém conhecido apesar de ter sido publicado pela primeira vez em 1813.

    O Guia do Mochileiro das Galáxias, Douglas Adams

    Contendo uma série de cinco livros, o enredo segue as aventuras de vários personagens que coletam informações turísticas para o Guia do Mochileiro das Galáxias.

    Inicialmente uma história de série de rádio, o guia foi compilado em fita cassete para depois ser transformada em livro e ganhar adaptações na televisão. A literatura de ficção científica encantou uma geração de leitores pelo humor ácido e personagens inesquecíveis, sendo uma ótima pedida para você se divertir durante a quarentena.

    Fiquei com o seu número, Sophie Kinsella

    A história conta os dilemas de uma jovem que está prestes a se casar com o homem perfeito, até que ela perde o anel de noivado que está na família do noivo há três gerações. Desesperada em busca do anel perdido, ela recebe a ajuda de um executivo, o que acaba rendendo situações inesperadas.

    O romance apresenta questões do cotidiano e tem uma leitura leve, que faz você mergulhar na história até que termine toda a leitura, perfeito para passar o tempo.

    A Revolução dos Bichos, George Orwell

    O romance satírico é um verdadeiro clássico moderno da literatura, e narra a história de corrupção e traição com figuras de animais que tentam criar uma sociedade perfeita, o que acaba gerando uma ditadura.

    A fábula sobre poder faz sucesso até hoje pelas críticas sociais apresentadas. Escrito na Segunda Guerra Mundial e publicado em 1945, o livro faz referência à ditadura e eventos políticos da época.

    Como fazer amigos e influenciar pessoas, Dale Carnegie

    O livro de autoajuda reúne técnicas para se relacionar com as pessoas e desenvolver comunicativas. Com mais de 50 milhões de exemplares vendidos, a obra é uma das mais lidas do mundo.

    Ele foi escrito inicialmente para auxiliar profissionais que precisam constantemente de bons relacionamentos interpessoais, como palestrantes e vendedores, mas se tornou uma boa indicação para todo tipo de público por auxiliar não só na vida profissional, como na vida pessoal.

    Capitães de Areia, Jorge Amado

    Autoria do escritor brasileiro Jorge Amado, o livro retrata a vida de um grupo de meninos abandonados que vivem nas ruas de Salvador, na Bahia. Lançado em meados de 1930, a obra não foi bem aceita e teve exemplares queimados pelo governo.

    Atualmente a obra é aclamada pela crítica social faz. Já recebeu adaptação para minissérie, em 1989, e filme em 2011, dirigido pela neta de Jorge Amado.

    O Pequeno Príncipe, Antoine de Saint-Exupéry

    Um piloto cai de um avião e encontra uma criança no meio do deserto, que diz ter vindo de um planeta distante. Juntos, eles repensam valores e dividem recordações.

    A obra mágica, sensível e aparentemente infantil é uma das mais traduzidas em todo o mundo e foi inspirada em experiências do próprio autor, que é aviador, após o próprio avião cair no deserto do Saara, em 1935.

    Alice no País das Maravilhas, Lewis Carroll

    Uma das histórias mais conhecidas no mundo, que já rendeu várias adaptações no cinema, é uma ótima dica para ler com os pequenos. O livro conta a história de uma menina chamada Alice, que, ao seguir um coelho falante, cai em uma toca e se vê presa em um mundo de fantasia.

    O conto infantil revela várias criaturas fantásticas e características de sonhos que encantam crianças e adultos.