Fonte: OpenWeather

    Leitura


    Projeto ‘Um Ano Lendo Clássicos’ incentiva a leitura

    Projeto utiliza as redes sociais e métodos didáticos para promover a leitura de clássicos nacionais

    O projeto une apaixonados pela literatura brasileira
    O projeto une apaixonados pela literatura brasileira | Foto: Divulgação

    Manaus - A leitura é um hábito que traz diversos benefícios, além de ser um hobby prazeroso. Com o intuito de incentivar esse ato, o escritor e jornalista Claudio Soares criou o projeto ‘’Um Ano Lendo Clássicos’’, reunindo, por meio de um de um grupo no Facebook, pessoas que pretendem iniciar o hobby ou que já são amantes dos livros em um clube de leitura virtual.

    Com o desafio de ler uma obra nacional por mês, o projeto estimula conversas e debates sobre os assuntos, além de oferecer encorajamentos aos participantes. “Temos o ‘Café Literário’, um grupo no Telegram, para conversar sobre o andamento das leituras, e, em um dos livros, criamos uma playlist com músicas mencionadas na obra para ajudar a entrar no clima’’, afirma o escritor paulista, que iniciou o projeto.

    Clube de leitura virtual  prestigia clássicos brasileiros
    Clube de leitura virtual prestigia clássicos brasileiros | Foto: Divulgação

    Além disso, o escritor defende que o planejamento é essencial para realizar o desafio, e organizou cronogramas semanais para a leitura dos capítulos. Em uma das postagens no grupo, é medido o tempo que leva a concluir o exemplar “Meu Pé de Laranja Lima”: Para finalizar em um mês, é preciso dedicar 11 minutos e 30 segundos por dia ao livro, no total, o tempo médio de leitura é de cinco horas e 45 minutos. Seguindo assim, cada obra tem um tempo médio de leitura que varia conforme o número de páginas.

    “Como o resultado, além do prazer da leitura, recebemos uma série de outros benefícios, que incluem, mas não se esgotam neles, estimulação do cérebro, redução do estresse, aquisição de conhecimento, expansão de vocabulário, fortalecimento do pensamento analítico e crítico, melhoria de foco, concentração, memória e habilidades de escrita’’, defende Claudio.

    Algumas obras lidas pelo clube de leitura virtual
    Algumas obras lidas pelo clube de leitura virtual | Foto: Reprodução

    Literatura Brasileira

    Os livros lidos até o momento foram o “Alienista”, de Machado de Assis, “Meu Pé de Laranja Lima”, de José Mauro de Vasconcelos, “A Hora da Estrela”, de Clarice Lispector, “Quarto de Despejo”, de Carolina de Jesus, e “O Cortiço”, de Aluísio Azevedo. A cada mês são definidas as obras que serão lidas, com ajuda dos próprios leitores.

    “Ao criarmos o clube de leitura “Um Ano Lendo Clássicos”, nosso objetivo foi proporcionar aos participantes uma experiência de leitura coletiva que permitisse descobrir ou revisitar alguns dos clássicos da nossa literatura, mas também oferecer uma oportunidade de refletir sobre o processo de leitura a sua importância, cada vez maior, no mundo de hoje’’, diz Claudio.

    A literatura brasileira é a grande estrela do projeto. Clássicos, como “Dom Casmurro” e “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, ambos de Machado de Assis, são alguns dos cogitados para serem os lidos nos próximos meses. “A prioridade são livros nacionais”, declara o escritor.

    Playlist lista as músicas da obra Meu Pé de Laranja Lima
    Playlist lista as músicas da obra Meu Pé de Laranja Lima | Foto: Reprodução

    Tecnologia

    Sem realizar reuniões presenciais, o clube de leitura utilizou recursos com tecnologias digitais e sociais para reunir leitores de todo o Brasil.

    Apesar de não ter tido em mente a impossibilidade de aglomerações quando iniciou o desafio, em meio ao momento que vivemos, a ideia do projeto virtual se mostrou bem-sucedida para incentivar a cultura sem sair de casa.

    “A tecnologia nos ajuda a ler melhor, com maior imersão, mais interatividade e qualidade. A propósito, a leitura é uma das mais importantes habilidades necessárias para enfrentarmos os desafios e oportunidades do século XXI’’, conclui Claudio.