Fonte: OpenWeather

    Mudança de rota


    Instagran muda política sobre seios devido a postagem de mulher negra

    Nova "política de seios" do Instagram foi estimulada por modelo negra acima do peso

    O Instagram anunciou nova política para a publicação de fotos e vídeos em que aparecem seios femininos. Agora, a rede social permite fotos e vídeos em que alguém esteja "simplesmente abraçando, acariciando ou segurando seus seios".

    Se houver dúvidas sobre o conteúdo, a rede social não excluirá o post sem antes avaliar o que foi publicado.

    A mudança tem tudo a ver com a movimentação de uma modelo e influenciadora britânica, Nyome Nicholas-Williams, gorda e negra, que foi vítima desse tipo de regra no seu feed.

    | Foto:

    Ao remover conteúdo em que os seios femininos sendo cobertos pelas mãos ou braços da pessoa, o Instagram também varria imagens de mulheres gordas. E foi o que aconteceu com Nyome, que mobilizou a campanha #IWantToSeeNyome na rede, questionando o fato de suas fotos serem apagadas sem a mesma aplicação de regra para mulheres magras. 

    Ao lado de mais duas ativistas, brancas e magras, ela conseguiu não só reaver suas publicações como alterar a "política dos seios" do Instagram.

    Mas, sem ajustes no mecanismo de exclusão, fotos de pessoas gordas, como Nyome, eram retiradas do ar. A modelo passou a monitorar a situação com ajuda da fotógrafa Alexandra Cameron, que registrou nudes artísticos da modelo, antes censurados pelo Instagram, como este

    O jornal "The Guardian" apontou que as imagens foram eliminadas por conta dos critérios de segurança em relação a conteúdo pornográfico.

    Ao site, Alexandra Cameron pontuou que "há mais carne para segurar ou colocar o braço ao redor se você tiver seios maiores. Não houve nenhuma sugestão de compressão pornográfica - minhas fotos são explicitamente sobre o olhar feminino e sobre o empoderamento das mulheres".

    Veja a postagem

    Ver essa foto no Instagram

    📢Today is the day Instagram and Facebook changes their policy to ensure all body types- namely black plus sized bodies- are treated fairly on the platforms. As of today, Wednesday 28th October 2020, Instagram and Facebook will "allow content where someone is simply hugging, cupping or holding their breasts". To protect the younger users from potential pornographic content if a picture shows "breast squeezing in a grabbing motion or there is a clear change in the shape of the breasts", that content will be in breach of the rules. This policy change should allow them to better differentiate self expression/ art from pornographic content. The policy change is effective from today and will begin to be enforced from today however the external wording in the policy will be available to read from the 2nd November (I will pop the link in my bio so you can all have a read of it once live). Gina, Alex, and I are creating a typeform where you can upload info on any of your content that has been removed. This is in the interest of helping instagram ensure this policy is upheld and is as successful as it can be. The link will be available tomorrow to use in my bio (we are hoping it won’t be needed though). This is only the beginning, there is still much work to be done. Instagram and Facebook are taking steps in the right direction to ensure the plus sized community is protected, Instagram have said "In addition to this policy change, earlier this year we committed to broader equity work to help ensure we better support the Black community on our platform. This work is going to take some time, but we’re going to continue to provide updates. Our goal is that this work will get us closer to making sure Instagram is a place where everyone feels safe, supported, and free to express themselves", I will continue to hold Instagram to account to ensure this happens.. This is a huge victory for the black plus sized community and a great early birthday present! Thank you to every single one of you who reposted, or used the iwanttoseenyome hashtag; you helped amplify our voices and pushed our campaign forward.

    Uma publicação compartilhada por Nyome Nicholas - Williams (@curvynyome) em

    Nyome protestou no Instagram sobre a diferença com que imagens de pessoas brancas e pessoas negras gordas são tratadas pela plataforma e também na sociedade, após ter os registros excluídos do seu perfil. "Por que os corpos plus size brancos são vistos como 'aceitáveis' e aceitos e os corpos grandes pretos não?"

    Foto cobrindo o seio com braços

    No início de outubro, no entanto, Nyome publicou a foto apenas cobrindo os seios com os braços e escreveu na legenda: "Estou ciente de que as imagens de corpos pretos plus size ainda estão sendo retiradas (...). Lembre-se de que nunca vou parar de lutar pelo que é certo e essa campanha está longe do fim! Até que corpos negros plus size parem de ser censurados, sempre há trabalho a fazer"

    Nova Política do Instagran

    Frente à campanha de Nyome, o Instagram divulgou uma nova "política dos seios": "Permitiremos conteúdo em que alguém estiver simplesmente abraçando, acariciando ou segurando seus seios. E, se houver dúvidas sobre o conteúdo, pediremos aos revisores que ele não seja removido. Estamos comprometidos em fazer a coisa certa e continuaremos a trabalhar com especialistas e com os membros da nossa comunidade para seguirmos melhorando", diz a empresa.

    Exceção

    Há uma exceção. "Reforçamos, no entanto, que imagens que contenham seios sendo apertados, em um movimento de agarrar com os dedos dobrados e onde há uma clara alteração no formato dos mesmos, continuam violando as nossas políticas e serão removidas.