Fonte: OpenWeather

    Legado


    ‘Tambor se calou’: Em luto, Amazonas presta homenagem à Zezinho Corrêa

    Artistas, políticos, familiares, amigos e figuras públicas se uniram para lamentar a morte de Zezinho Corrêa e relembrar a importância que ele representou para a cultura amazonense

     

    Diversos artistas e figuras públicas prestaram homenagens à Zezinho Correa
    Diversos artistas e figuras públicas prestaram homenagens à Zezinho Correa | Foto: Divulgação

    Manaus – “Hoje, a batida do tambor se calou”. É com essa mensagem que a família de Zezinho Corrêa finalizou uma nota confirmando a morte do cantor. Com a notícia, todo estado chorou a perda inestimável de um dos artistas que levou a cultura amazonense para o Brasil e o Mundo.

    Nas redes sociais, a comoção levou artistas e figuras públicas a compartilharem mensagens em homenagem ao vocalista do grupo Carrapicho. Um deles foi o compositor e músico mineiro Torrinho, co-autor de “Porto de Lenha” e um dos nomes principais do movimento Tropicalista no país.

    "O mundo amanheceu mais triste, sem a voz, a alegria, o carisma e a simpatia de Zezinho Corrêa. Siga em paz no seu caminho de luz, meu amigo. Por aqui, você sempre será lembrado e amado", homenageou o compositor Torrinho. 

    O senador Eduardo Braga prestou sentimentos aos familiares, amigos e admiradores do cantor. “A partida do cantor Zezinho Corrêa, um dos valores da nossa terra cabocla – tão orgulhosamente cantada por ele no Brasil e no mundo, deixa um vazio irreparável na nossa cultura. Nosso consolo é a imortalidade de sua arte e de sua voz em cada música de tantos álbuns e apresentações”.

    O Governo do Amazonas, em nota, relembrou toda a trajetória de peso que Zezinho Corrêa trilhou no estado.

    “Perdemos hoje um dos principais ícones do Amazonas. Com sua voz única e carisma sem igual, Zezinho Corrêa representou nossas raízes e cultura mundo afora. Que Deus o receba com glórias em sua morada e conforte os corações de familiares, amigos e fãs”, escreveu o governador do Amazonas, Wilson Lima, em suas redes sociais.

    Homenagens

    Os artistas David Assayag, Antônia Bahia, Vanessa Alfaia e diversos outros também foram à público prestar homenagens e mostrar a admiração que tinham pelo artista.

    O músico Agenor Vasconcelos também relembrou a importância que Zezinho Corrêa representou para os artistas do Amazonas e do Brasil. "Uma das maiores referências da região. Hoje, no céu, bate-se forte o tambor".

    “Hoje perdemos um grande artista, um artista que certamente deixa seu nome marcado na história da cultura do nosso Estado. Um dos nossos maiores representantes, que levou o nome e a Cultura do Amazonas para o mundo inteiro, através de seu talento, de seu carisma e de sua voz encantadora. Perco também um grande amigo, uma pessoa que faz parte da minha história como artista e como ser humano. Nosso coração se entristece, o céu certamente o recebe com alegria e o Amazonas fica um pouco mais triste”, destaca o secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz.

    Além de palavras, familiares e amigos também prestam homenagem, em silêncio, à vida de Zezinho Corrêa, mantendo firme o legado e memória do artista pelos anos que virão. 

    Leia mais:

    Assessoria desmente nova 'fake news' sobre morte de Zezinho Corrêa

    Após luta contra Covid-19, Zezinho Correa morre aos 69 anos

    'Volta Zezinho': movimento manda energia positiva para o cantor