Fonte: OpenWeather

    Canadá


    'Bacurau' leva prêmio de melhor filme estrangeiro em Toronto

    O longa de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles já havia vencido a mesma categoria na premiação da associação de críticos de Nova York

     

    | Foto: Divulgação

    A Associação de Críticos de Cinema de Toronto, no Canadá, considerou o brasileiro "Bacurau" como o melhor filme estrangeiro do ano. O longa de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles já havia vencido a mesma categoria na premiação da associação de críticos de Nova York.

    Os críticos de Toronto ainda revelaram quais foram os dois outros filmes estrangeiros mais votados pelos membros, completando uma espécie de "pódio" da categoria. "Another Round" (da Dinamarca) e "Uma Mulher Alta" (da Rússia) apareceram na lista.

    "Bacurau", que foi lançado em 2020 nos cinemas norte-americanos e britânicos, também foi indicado ao Independent Spirit Awards (o Oscar do cinema independente) e está progredindo na disputa pelo BAFTA (o Oscar britânico).

    Sinopse

    O enredo do filme se passa num futuro próximo em Bacurau, povoado de Pernambuco, que dá nome ao longa. Após a morte de dona Carmelita, aos 94 anos, matriarca local, os moradores do sertão descobrem que a comunidade não consta mais em qualquer mapa. Aos poucos, percebem algo estranho na região: enquanto drones passeiam pelos céus, estrangeiros chegam à cidade.

    Assassinatos estranhos começam a ocorrer e atormentam os moradores. Após isso, os habitantes chegam à conclusão de que estão sendo atacados. Reúnem-se com a intenção de identificar o inimigo e criar coletivamente um meio de defesa.

    Além de Sônia Braga, que protagonizou “Aquarius”, o elenco conta com Udo Kier, Silvero Pereira, Thomaz Aquino, Bárbara Colen, Wilson Rabelo, Carlos Francisco, Karine Teles, Antonio Saboia, Lia de Itamaracá, Jonny Mars, Alli Willow e James Turpin.

    Leia mais:

    'Bacurau’ é eleito melhor filme estrangeiro em premiação de Nova York

    'Bacurau' vai disputar o 'Oscar do cinema independente' nos EUA

    Cena de Bacurau é recriada para incentivar a quarentena