Fonte: OpenWeather

    Histórias


    Livro sobre compositoras em Manaus é lançado nesta quinta (18)

    Pesquisa cataloga mais de 360 obras de mulheres compositoras da capital

     

    Kely Guimarães é compositora/cancionista, cantora e multi-instrumentista, com diversos registros fonográficos autorais lançados nas plataformas digitais
    Kely Guimarães é compositora/cancionista, cantora e multi-instrumentista, com diversos registros fonográficos autorais lançados nas plataformas digitais | Foto: Divulgação

    Manaus - O livro digital “Mulheres Compositoras: Cartografias e Relações de Poder”, pesquisa que reflete sobre as compositoras atuantes em Manaus, será lançado nesta quinta (18), às 15h, em uma live no canal no YouTube da autora da obra, a artista e pesquisadora Kely Guimarães. A obra ficará disponível gratuitamente no site da editora Nova Cartografia Social da Amazônia.

    A obra é fruto de um estudo de dois anos para a dissertação de mestrado de Kely, “Reflexão sobre o trabalho, vivências e práticas musicais de mulheres compositoras em Manaus a partir de 2000”, defendida em março de 2020, pelo Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas (PPGICH) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

    “Eu sou compositora e atuo em Manaus há 12 anos. Sempre senti falta de uma maior visibilidade do trabalho das mulheres compositoras e resolvi levar essa discussão para a pesquisa, na qual fiz um apanhado das produções que foram lançadas de 2000 a 2019. Tudo o que consegui achar de composições por mulheres coloquei dentro desse trabalho”, explica.

     

    Livro foi escrito como pesquisa de dissertação de mestrado da autora
    Livro foi escrito como pesquisa de dissertação de mestrado da autora | Foto: Divulgação

    A autora conta que uma das maiores dificuldades foi encontrar referências para o tema nos acervos públicos. “Mas agora, acredito, a pesquisa vai servir de suporte para produções futuras, além de dar a visibilidade necessária para essas compositoras”, ressalta Kely.

    O estudo abrange diferentes áreas do conhecimento e apresenta um catálogo com mais de 360 obras compostas por mulheres, além de 150 nomes de compositoras acessados pela pesquisa, que reflete, crítica e interdisciplinarmente, a questão da música como instrumento de trabalho, de resistência, de identidade e de empoderamento das compositoras atuantes em Manaus.

    A autora

    Kely Guimarães é compositora/cancionista, cantora e multi-instrumentista, com diversos registros fonográficos autorais lançados nas plataformas digitais. Possui mestrado em Ciências Humanas (Teoria, História e Crítica da Cultura) pelo Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar da UEA (2020); especialização em Educação Musical pele Instituto Federal do Amazonas (Ifam, 2015); e  especialização em Gestão Cultural: cultura, desenvolvimento e mercado pelo Centro Universitário Senac (2015). Também é licenciada em Música pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam, 2011).

    *Com informações da assessoria

    Leia mais

    Artista recria cenas do Festival de Parintins com técnicas de colagem

    Evento on-line sobre quadrinhos valoriza produção manauara

    'O Buraco': filme amazonense levanta debate sobre violência doméstica