Fonte: OpenWeather

    Auxilio financeiro


    Veja lista de trabalhadores da cultura que podem receber auxílio no AM

    O benefício faz parte do programa Amazonas Cultura de Valor e vai beneficiar famílias de profissionais em situação de vulnerabilidade. Veja quanto e como receber.

     

    O benefício, que faz parte do programa Amazonas Cultura de Valor, vai beneficiar famílias de profissionais em situação de vulnerabilidade devido à pandemia
    O benefício, que faz parte do programa Amazonas Cultura de Valor, vai beneficiar famílias de profissionais em situação de vulnerabilidade devido à pandemia | Foto: Divulgação

    Manaus (AM) - A primeira lista de habilitados como trabalhadores da cultura, um dos requisitos para poder receber o auxílio emergencial anunciado pelo Governo do Amazonas, está disponível no Portal da Cultura. O benefício, que faz parte do programa Amazonas Cultura de Valor, vai beneficiar famílias de profissionais em situação de vulnerabilidade devido à pandemia, e será pago no valor de R$ 600, dividido em três parcelas mensais.

    Para conferir os habilitados, basta acessar este link: https://bit.ly/3hMVXGI

    "

    Esta é a lista de nomes dos trabalhadores que comprovaram atuação dentro de seus segmentos. Queremos lembrar que estar habilitado como trabalhador da cultura ainda não garante o benefício, mas é uma das etapas necessárias. Esta lista de nomes agora será enviada ao DataPrev para uma nova análise de dados. "

    Marcos Apolo Muniz, secretário de Cultura e Economia Criativa

     

    O prazo para solicitação do auxílio emergencial encerrou no sábado (22/5). Em breve, a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa divulgará mais listas de habilitados no Portal da Cultura.

    "

    Queremos parabenizar o empenho dos gestores municipais, que ajudaram a cadastrar seus artistas. A Secretaria de Cultura e Economia Criativa manteve um diálogo constante com as secretarias do interior do estado, para podermos cadastrar o maior número possível de trabalhadores da cultura. "

    Marcos Apolo Muniz, secretário de Cultura e Economia Criativa

     

    Editais de auxílio ao setor cultural

    A Secretaria de Cultura e Economia Criativa também está com inscrições abertas para dois editais de auxílio ao setor cultural, de seleção e aquisição de acervo bibliográfico e de obras de arte.

    O prazo para inscrição é até 3 de julho e para participar é necessário estar inscrito também no Cadastro Estadual de Cultura; e ter concluído o processo ao menos 15 dias antes do prazo de encerramento dos editais.

    O edital para aquisição de acervo bibliográfico selecionará até 150 títulos de escritores amazonenses, com o objetivo de estimular a geração de renda para estes artistas e também incrementar atividades do “Programa Mania de Ler”, além do acervo das bibliotecas e salas de leitura coordenadas pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa. Cada escritor poderá receber até R$ 1,2 mil.

    O valor total do edital é de R$ 180 mil.

    Serão selecionadas obras literárias e técnicas que contemplem a diversidade de gêneros textuais (Literatura Infantil, Literatura Juvenil, Literatura Regional, Cordel, HQs/Gibis/Graphic Novel, Fanzine, e Zine), no formato impresso, que propiciem o acesso à obra, múltiplos olhares, públicos de diversas faixas etárias, linguagens e narrativas com relevância contemporânea para o Amazonas, para o Brasil e para o mundo. 

    Já o edital de seleção e aquisição de obras de arte, selecionará até 250 obras de artistas amazonenses para incrementar o acervo e a reserva técnica da Pinacoteca do Estado, museus e demais equipamentos culturais do Estado.

    O proponente receberá um valor de R$ 2 mil caso a obra seja selecionada. No total, o edital receberá o valor de R$ 500 mil.

    A seleção de obras compreende várias linguagens, como desenho, escultura, colagem, pintura, design, fotografia, gravura (litogravura, serigrafia, xilogravura, gravura em metal e congêneres), bem como derivações que contemplem diversidade de olhares e narrativas.

    Saiba mais: http://editais.cultura.am.gov.br/novo/editais-de-auxilio-ao-setor-cultural/

    Cadastro Estadual de Cultura

    Para realizar o cadastro são necessários os seguintes documentos digitalizados: RG, CPF, comprovante de residência, autodeclaração, portfólio (fotos de atividades exercidas no setor cultural, ou matérias veiculadas na imprensa, ou publicações em redes sociais, declaração de órgão público e associações culturais ou de empresas de eventos, informando que o solicitante presta serviços artísticos e culturais e que faz parte da cadeia produtiva; entre outros documentos que comprovem a atuação na área artística e de economia criativa por no mínimo dois anos.

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Auxílio emergencial é pago a beneficiários do Bolsa Família com NIS 5

    Receita libera consulta a restituição do Imposto de Renda

    Caixa deposita 2ª parcela do auxílio a nascidos em julho; veja aqui