Fonte: OpenWeather

    Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro


    Violoncelista amazonense é aprovada na Universidade da Califórnia

    A partir de agosto, Karen Carvalho vai fazer parte do programa Artist Cert Music Performance

     

    | Foto: Michael Dantas/SEC

    Manaus - No segundo semestre, o programa Artist Cert Music Performance, do Azusa Pacific University, na Califórnia, contará com uma integrante amazonense: Karen Carvalho, aluna de violoncelo no Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro, desde 2012.

      Com 24 anos de idade e nove de música, a jovem seguirá para a nova experiência em agosto. Ela conta que fez o processo de seleção para duas faculdades da Califórnia e foi aprovada para o curso de performance artística em violoncelo, que tem duração de dois anos.  

    “De modo geral, minha vida está mudando inteira, estou saindo da minha terra, deixando meus pais e quero levar tudo que passei até aqui, para ser exemplo para as crianças”, afirma a musicista. “Quero mostrar que é possível sair de Manaus e seguir em frente, em busca de novas experiências”.

    Karen explica que as aprovações das bolsas são concedidas a partir de uma audição e uma entrevista, no qual eles mandam um repertório padrão de violoncelo que precisa ser executado.

     

    | Foto: Michael Dantas/SEC

    “Eu realizei a gravação do material no final de 2020, no Palácio da Justiça, e enviei para a faculdade. Assim é feita a avaliação, depende do desempenho do aluno”, lembra a estudante. “Ano passado, quando começou a pandemia, apareceu muita coisa on-line e isso me ajudou, porque pude me inscrever em masterclasses, participar de festivais, conheci outros professores, alunos que estudavam fora e passei a entender como funcionava até que surgiu o convite para seleção”.

    Trajetória

      A história de Karen com a música começou com o projeto Jovem Cidadão, aos 12 anos, como uma das integrantes do coral. Segundo ela, foi neste mesmo período que entrou no Teatro Amazonas pela primeira vez, para se apresentar em um concerto.  

    “Uma coisa que sempre me chamou atenção eram as mulheres naquele palco, eu achava lindo. Mas foi no dia 20 de abril de 2012, minha primeira aula no Liceu, que descobri que queria fazer isso para sempre”, afirma.

    Após o primeiro ano no Claudio Santoro, Karen entrou para orquestra de iniciantes e conseguiu comprar um instrumento. Em seguida, foi aprovada para compor a Orquestra Experimental da Amazonas Filarmônica, no qual ficou por cinco anos.

    “Graças a orquestra, eu nunca desisti. Agora quero continuar estudando porque esse sempre foi o meu sonho, estudar numa boa faculdade e, com certeza, levar a minha história”, destaca a musicista.

    Inspiração

    Aluna de Anton Minenkov, chefe dos violoncelos da Amazonas Filarmônica, Karen Carvalho também tem como referência a maestrina e violinista Elena Koynova, regente da Orquestra Jovem Claudio Santoro.

    “São duas pessoas muito importantes na minha trajetória. A professora Elena foi a primeira pessoa que olhou pra mim e disse que eu tinha futuro, desde o início acreditou em mim e sempre me ajudou muito, em tudo”, comenta a estudante.

    A reciprocidade entre as duas é reforçada por Elena Koynova, que considera Karen como uma filha. A maestrina destaca que a estudante se identificou de uma forma peculiar com o instrumento, que a fez crescer na área, se tornar monitora e seu braço direito, chegando a assumir responsabilidades como a substituir como maestrina quando estava ausente.

    “Ela é exemplar, para ser um bom músico não é suficiente ser um bom instrumentista, é uma coisa complexa, precisa musicalidade, talento, esforço, força de vontade para nunca desistir. E a Karen tem tudo isso, e mais ainda, ela tem uma personalidade extraordinária, é extremamente positiva e muito inteligente”, elogia a regente. “Ela vai se tornar uma profissional de altíssima qualidade e eu desejo que consiga tudo que imaginar, porque é só ela querer”.

    Leia mais:

    Orquestra de Violões apresenta live no Teatro Amazonas

    Cantor Joás Gadelha lança clipe "De Pai para Filho" no próximo domingo

    Cileno e Adonay Brasil fazem live especial de reggae