Fonte: OpenWeather

    CINEMA


    Carla Diaz sobre interpretar Suzane: "Precisei afastar meu julgamento"

    "A menina que matou os pais" e "O menino que matou meus pais" estrearam na sexta-feira (24) e estão dando o que falar nas redes sociais

     

    Suzane von Richthofen é interpretada por Carla Diaz.
    Suzane von Richthofen é interpretada por Carla Diaz. | Foto: divulgação

    O Brasil inteiro conhece a história de Suzane von Richthofen, a jovem de classe alta de São Paulo que decidiu assassinar os pais com a ajuda do namorado e do cunhado.

    O crime aconteceu em 2002 e ainda gera muita curiosidade, uma vez que o ex-casal apresentou versões diferentes no tribunal. 

    Agora, a história é contada do ponto de vista de Suzana e Daniel Cravinhos através dos filmes “A menina que matou os pais” (história contada pelo ponto de vista de Daniel) e “O menino que matou meus pais” (narrativa pelo olhar de Suzane).

    Os longas estrearam na última nesta sexta-feira (24), no Amazon Prime Vídeo. Suzane von Richthofen é interpretada por Carla Diaz, que diz que a preparação para o projeto foi muito desafiadora.

    "

    Eu precisava do distanciamento do meu julgamento pessoal em relação ao crime e à história real porque, se não, eu não conseguiria interpretar essa personagem em dois filmes que contam a mesma história, mas com olhares totalmente diferentes. Os roteiros foram nosso norte mais importante "

    Carla Diaz, atriz

     

    Daniel é interpretado por Leonardo Bittencourt, que também procurou se desprender de qualquer opinião sobre a história.

    "A imagem do Daniel é menos formada na cabeça das pessoas porque o caso se concentrou muito na Suzane e, por isso, eu tinha um pouco mais de liberdade de criação. Mas os roteiros eram muito ricos em detalhes de comportamento, personalidade, de como eles eram antes de o crime acontecer. Então, tínhamos que nos guiar por eles e sabíamos que eram 100% fiéis ao que estava nos autos do processo", comentou.

    Leia mais:

    Veja onde assistir os filmes sobre o assassinato do casal Richtfhofen

    Carla Diaz descobre que é alvo de inquérito sobre "racismo reverso"

    Carla Diaz usa sapato grifado de R$ 5 mil no 'BBB Dia 101'