Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Fuga de oito presos da cadeia pública será apurada pela Sejus

    Polícia divulgou as fotos de alguns dos foragidos - foto: reprodução
     
     
    A Secretaria de Estado de Justiça (Sejus) abriu uma sindicância para apurar uma suposta facilitação na fuga dos oito detentos da Cadeia Pública Vidal Pessoa, no Centro, Zona Sul de Manaus, ocorrida por volta de 18h de quarta-feira (2).
     
    Foram recapturados na hora Paulo Cristiano Barbosa Silva, Jackson da Costa e José Orlando Rodrigues da Silva.Até esta quinta-feira (3) continuavam foragidos Sérgio de Souza Barbosa, Alcimar Pinto da Silva, Herisronny Rocha de Holanda. Misvaldo Brito Sales, José Wilkson Cunha da Silva.
     
    Bernardo Encarnação informou que o objetivo da sindicância será esclarecer se houve ou não facilitação. Uma das informações colhidas é de que houve um descuido por parte de um agente penitenciário, que em função da chuva, procurou abrigo e acabou deixando o portão que dá acesso à parte interna da cadeia aberto.
     
    De acordo com o comandante da PM, coronel Almir David, desde o momento da fuga, foi destacada uma força tarefa formada por policiais do Batalhão Especializado e da Inteligência da polícia para tentar a recaptura dos fugitivos.
     
    Ainda de acordo com o comandante, todas as viaturas da PM na capital foram acionadas pelo sistema on-line do Ronda no Bairro assim como os taxistas que possuem contato direto com a Polícia Militar que estão avisados caso reconheçam um dos foragidos que acione a Polícia.
     
    Foi reforçado ainda o policiamento na entrada e na saída da cidade, por meio de barreiras.
    De acordo com a Sejus, a fuga ocorreu durante a chuva que atingiu a capital amazonense na quarta-feira (2). A PM conseguiu recapturar três presos. Um deles foi encontrado em via pública nas proximidades da cadeia, enquanto os outros dois estavam no Igarapé do Educandos, também na Zona Sul da capital.
    Os detentos recapturados foram encaminhados à Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), na Zona Leste de Manaus, onde deverão permanecer isolados.