Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Maior risco de dengue está na Zona Leste, diz relatório

    A Zona Leste de Manaus é a que apresenta maior risco de transmissão de proliferação do mosquito da dengue, com média de 7,3%. As Zonas Norte, Oeste e Sul apresentam os índices de 2,1%, 2,6% e 3% respectivamente.

    O resultado foi divulgado na manhã desta segunda-feira (28) pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e faz parte do Levantamento de Índice Rápido de Infestação por Aedes Aegypti (LIRAa), foi realizado entre 7 e 17 de janeiro.

    Na ocasião foi anunciado o inicio da operação ‘Impacto contra a dengue’, que se estenderá até o mês de março.

    De acordo com o secretário da Semsa, Evandro Melo, para a operação foram utilizados três indicadores, como a transmissão dos mosquitos de anos anteriores, as localizações dos casos deste ano e do LIRAa.

    O secretário divulgou também, que o prefeito Arthur Neto e o governador Omar Aziz terão uma reunião, ainda sem data, para discutirem soluções para o Programa Águas para Manaus (Proama).

    Ele foi empossado após decisão da Casa Legislativa e do Tribunal Supremo de Justiça, que reconheceram sua reeleição. De acordo com o secretário da Semsa, a campanha vai até março, mas as fiscalizações se estendem durante o ano inteiro.