Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Motociclista morre ao colidir com táxi na Avenida das Torres

    A moto foi arremessada, com o impacto, por cima de uma cerca com arame farpado – foto: Erlon Rodrigues

    O motociclista Antonio Carlos da Silva e Silva, 24, morreu no começo da tarde deste domingo (06), vítima de acidente de trânsito na Avenida das Torres, Zona Leste, em frente a um posto de gasolina de bandeira BR, sentido Cidade Nova, bola do Coroado.

    A colisão envolveu um taxi e a moto que Antonio Carlos conduzia.

    De acordo com o frentista Ícaro Bruno, 19, que presenciou o acidente, por volta das 13h o taxista Wandenberg Dias da Costa, 29, tentou entrar no posto de gasolina, porém, pela via de saída.

    Nesse momento, Antonio Carlos passava pela faixa da direita da via, e foi atingido pelo taxi.

    A moto, modelo Fazer, de placa OAC 8099, foi arremessada, com o impacto, por cima de uma cerca com arame farpado e ficou presa no local. Antonio Carlos morreu na hora, ele usava capacete.

    O taxistas foi levado para fazer o teste de bafômetro, que, de acordo com policiais militares que o conduziram, constatou que ele não estava embriagado. Após isso foi levado para o 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

    De acordo com o delegado Caio César, o taxista vai ser autuado por homicídio Culposo, quando não há intenção de matar.

    Segundo o perito criminalista da polícia civil, Madzon Nascimento, não se sabe a velocidade que o taxi estava, mas que o motociclista teve tempo para tentar pular da moto, mas não conseguiu escapar.

    De acordo com a irmã da vítima, Natália da Silva e Silva, 24, o motociclista é ex soldado da Aeronáutica, não bebia porque era evangélico. Afirmou ainda que ele saiu cedo de um futebol com colegas de farda e estava indo a casa da sogra, no bairro do Coroado, para buscar a esposa.