Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Participante de quadrilha de ‘saidinha de banco’ é presa em Manaus

     O golpe da ‘Baluda’ consiste num ‘teatro’ que atrai as vítimas – foto: Erlon Rodrigues

    Irenize Barata de Souza, 32, foi presa na manhã desta segunda-feira (18), suspeita de participação de quadrilha de ‘saidinha de banco’. A prisão ocorreu na rua Coari, no bairro Grande Vitória, Zona Leste de Manaus.

    A polícia encontrou com Irenize grandes quantidades de bolsas e carteiras, supostamente furtadas.

    O mandado de prisão foi expedido pelo juiz plantonista criminal Alcides Carvalho Vieira, após denúncias das vítimas, que descreviam a mesma mulher. O caso está sendo investigado há mais de um ano.

    A chefe da quadrilha, Débora Galuce, de apenas 19 anos, está foragida. O golpe também conhecido como ‘balula’ já fez dezenas de vítimas em Manaus

    O caso foi registrado no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde Irenize foi autuada por estelionato e formação de quadrilha. Ela foi encaminhada à cadeia pública Raimundo Vidal Pessoa.

    O golpe

    O golpe da ‘Baluda’ consiste num ‘teatro’ que atrai as vítimas. Um comparsa fica no interior do banco observando a movimentação e escolhendo quem vai assaltar - geralmente mulheres - enquanto uma mulher, participante da quadrilha, fica do lado de fora esperando a vítima.

    Ela finge esbarrar e deixar cair um ‘bolo de dinheiro’. A intenção é que a vítima ajude a pegar o dinheiro do chão e acaba sendo distraída pela conversa da mulher, quando é surpreendida pelo assaltante que a observava no interior do banco.

    Colaborou Lucas Prata