Fonte: OpenWeather

    Dia A Dia


    Greve dos rodoviários é descartada após reunião com Arthur Neto

    De acordo com Josildo Oliveira, durante a reunião o prefeito pediu um voto de confiança para que a situação – foto: Mário Oliveira

    A greve dos rodoviários prevista para nesta sexta-feira (25) foi descartada após reunião realizada na tarde desta quarta (23) entre o Sindicato dos Rodoviários de Manaus e os empresários do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amazonas (Sinetram), com intermediação do prefeito Arthur Neto.

    De acordo com o presidente do Sindicato dos Rodoviários, Josildo Oliveira, durante a reunião o prefeito pediu um voto de confiança para que a situação da categoria seja resolvida de forma que ninguém saia prejudicado.

    Oliveira ainda disse que uma reunião vai ser marcada entre a categoria e os empresários para que a resolução já discutida seja de alguma forma cumprida.

    Antes da reunião, na manhã desta quarta o vice-prefeito e titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Habitação (Seminfh), Hissa Abrahão, chegou a dizer que esperava uma reconsideração da decisão dos rodoviários sobre a greve, para que não fizessem a paralisação, adotando a catraca livre como forma de protesto e pressão.

    A decisão de parar a circulação dos ônibus havia sido tomada em assembleia da categoria no último final de semana. O motivo foi a falta de resolução de diversos direitos trabalhistas reivindicados pelos profissionais, como recolhimento de FGTS, INSS e pagamento de férias para os funcionários das empresas.

    Abrahão sugeriu a adoção da catraca livre como alternativa à paralisação para evitar transtornos aos usuários do transporte coletivo.