>

    Fonte: OpenWeather

    Artigo de Opinião


    Saiba os benefícios da depilação a laser

    A depilação a laser realmente traz uma liberdade que não tem preço. Leia o artigo de Janayna Libório

     

    Um outro benefício é que ela trata a foliculite, por sinal ela é o principal tratamento para esse problema
    Um outro benefício é que ela trata a foliculite, por sinal ela é o principal tratamento para esse problema | Foto: Reprodução

    A depilação a laser é uma técnica de medicina estética que permite a redução dos pelos da região tratada em até 80%, podendo variar para mais ou para menos, de acordo coma a predisposição genética, características dos pelos e até mesmo tecnologia utilizada.

    Apesar de não eliminar 100% dos pelos como muitas pessoas pensam, os resultados são incrivelmente satisfatórios por que os pelos que ainda permanecem, em geral, são bem finos e discretos, demoram a crescer e quando crescem, são bem espaçados um do outro. Se você usava a lâmina a cada 5 dias ou se depila com cera a cada 20 dias,  após a depilação a laser você vai até mesmo esquecer qual foi a última vez que usou lâmina ou cera para retirar os seus pelos.

    A depilação a laser realmente traz uma liberdade que não tem preço!

    Um outro benefício é que ela trata a foliculite, por sinal ela é o principal tratamento para esse problema. As áreas tratadas ficam bem mais claras também, uma vez que não vai mais haver a constante abrasão da lâmina e da cera, que são um dos viabilizadores do escurecimento das axilas e virilhas, por exemplo.

    Após concluir o seu tratamento, a durabilidade do bloqueio do crescimento dos fios varia de pessoa para pessoa, mas os resultados podem permanecer de 2 a 5 anos. Algumas pessoas com problemas hormonais, com distúrbios de crescimento de pelos e/ou ovários policísticos podem ter o crescimento dos pelos estimulados antes desse período, bem como maior dificuldade de obter resultados mais expressivos com o tratamento.

    A aplicação do laser durante um tratamento pode ser feita com intervalos de 30-45 dias, em média. O número de sessões varia de acordo com a quantidade de pelos na área, cor e espessura dos pelos, tonalidade da pele, tecnologia utilizada (Diodo/ Alexandrite etc.) e até mesmo características genéticas e uso/distúrbios de hormônios.

    Hoje no mercado o laser que é padrão ouro no tratamento de depilação a laser é o Laser LightSheer, por possuir maior segurança no tratamento, em geral precisa de um número menor de sessões em comparação a outros lasers disponíveis no mercado e tem resultados muito satisfatórios. Com esse laser, em geral, você vai precisar de 5-8 sessões, podendo variar um pouco para mais ou um pouco para menos, de acordo com as características já citadas anteriormente. O laser Lighsheer é a melhor tecnologia de depilação a laser que existe hoje no mercado e que possui o melhor custo-benefício para a pessoa que decide investir nesse tratamento.

    Vale ressaltar que como qualquer tratamento que você faz, a depilação a laser também gera alguns efeitos pós-aplicação, o que é comum e que não necessita de alarde ou tempestades em copo d’água. Por exemplo: a área tratada vai ficar vermelha (Eritema), pode ficar quente (sensação de calor) por até 24h após a aplicação, pode arder e ficar até levemente inchadinha, pode formar casquinhas enegrecidas (crostas hemáticas epidérmicas) que não devem ser removidas por que caem naturalmente no decorrer dos dias, durante o tratamento pode aparecer manchinhas esbranquiçadas ou escurecidas (todas transitórias), e até mesmo bolhas.

    Portanto, não se desespere se durante o seu tratamento esses efeitos adversos acontecerem, conclua seu tratamento normalmente por que são todos efeitos transitórios! No caso de aparecimento de bolhas sempre é importante entrar em contato com a clínica e com o profissional para que ele possa avaliar a região e também possa indicar a pomada correta para minimizar os efeitos.

    Não é uma regra todas as pessoas desenvolverem todos esses efeitos. Algumas pessoas no pós-depilação não sentem nada, exceto a área levemente vermelha e irritada, e, em geral, essas reações não acontecem em conjunto na mesma pessoa, a não ser que ela possua uma pele bem sensível.

    E por falar em sensibilidade, a depilação a laser pode ser bem dolorida para algumas pessoas enquanto para outras poder fazer até cócegas, acredite! Portanto o parâmetro de sentir dor não é igual para todo mundo. Mas caso você seja mais sensível, um anestésico tópico pode se aplicado 30 minutos antes da sessão, portanto, converse com o profissional que vai realizar o seu tratamento e ele vai indicar o melhor anestésico para você utilizar antes de ir fazer a sua sessão de depilação.

    Uma vez que você decidir por fazer esse tratamento incrível, você terá que seguir algumas instruções, como por exemplo: Não tomar sol (pele bronzeada e laser são totalmente incompatíveis), não vai mais poder usar cera e nem outros métodos que não sejam a lâmina, aplicar protetor solar diariamente, principalmente se estiver fazendo laser em áreas expostas como pernas, braços, costas e face. Manter a pele sempre hidratada com cremes específicos indicados pelo profissional e ingerindo bastante água também.

    Outra informação: é importante fazer uma avaliação antes de iniciar o tratamento para que você possa tirar todas as dúvidas com o profissional e ele também possa verificar a área de tratamento e identificar se não há nenhuma contraindicação para você! Procure um profissional e clínica de confiança, e lembre-se que o seu investimento não será baixo, uma vez que bons profissionais, boas clínicas, tecnologias padrão-ouro e um atendimento de excelência não é barato! Mas vale cada centavo investido! Então faça bem a sua escolha e dê boas vindas à liberdade!

    Leia mais:

    Especialista ensina como eliminar gordura abdominal 

    A pele na pré-menopausa e menopausa: características e cuidados

    Massagem não é luxo e sim necessidade 

    Campanha Amazonpedia