Fonte: OpenWeather

    Emprego


    Taxa de aproveitamento do Sine Manaus saiu de 7% para 69%, diz Semtepi

    Empreendedorismo é ensinado nas escolas ainda no ensino fundamental

    Alunos do 6º ao 9º ano aprender formas de empreender
    Alunos do 6º ao 9º ano aprender formas de empreender | Foto: Mário Oliveira - Semcom

    Manaus - Considerada a capital mais empreendedora da região Norte e a oitava do país, desde 2013, a taxa de aproveitamento do Sine Manaus, saiu de 7% para 69%. E, a partir do programa “Manaus Mais Empreendedora”, diversas atividades foram criadas, sobretudo entre jovens e estudantes, para fomentar a cultura do empreendedorismo na cidade.

    “Nossos alunos da rede municipal começam a ter noções de empreendedorismo ainda na sala de aula, porque tornamos esse um tema transversal nas nossas escolas”, destacou o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto. Lembrando que no final do ano passado foram quase quatro mil alunos certificados pelo projeto ‘Empreendedorismo nas Escolas’, direcionado a alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental.

    Paralelo a essas iniciativas, a Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi) também investiu na realização de cursos, por meio do “Empreende Manaus” e do “Escritório do Empreendedor”. Somente nesta gestão, mais de 20 mil pessoas passaram pelas ações do departamento de Qualificação Profissional.

    Inovação

    Outra iniciativa inovadora foi a realização da primeira maratona tecnológica “Hackathon”, que teve a participação de 50 profissionais da área de programação, designers e outros ligados ao desenvolvimento de software, onde o objetivo foi desenvolver um software ou solução tecnológica que pudesse aprimorar os serviços na área da saúde e mobilidade urbana. O evento foi responsável por colocar Manaus no mapa do ecossistema de inovação do Brasil.

    Meetups, work cafés e a participação em eventos do ecossistema inovador, como a Feira do Polo Digital de Manaus, Conferência Amazônia de Empreendedorismo e Inovação, entre outros, também foram estratégias adotadas para impulsionar as políticas públicas do município nessa área.

    Empregabilidade

    Os postos do Sine Manaus foram descentralizados e espalhados por diversas zonas da cidade, com os dois principais localizados na avenida Constantino Nery e dentro do Shopping Phelippe Daou, na Zona Leste. No ano passado, o projeto “Sine Jovem” foi implantado com a missão de disseminar e promover políticas públicas voltadas à geração de emprego, renda, desenvolvimento social e econômico, cujo propósito é disponibilizar qualificação profissional ao jovem que está em busca do primeiro emprego. Todas essas medidas foram responsáveis por encaminhar 7.292 pessoas para postos de trabalho, somente em 2019.

    *Com informações da assessoria