Fonte: OpenWeather

    Oportunidade


    Maior feira de emprego on-line gratuita para PCDs reúne 5 mil vagas

    Objetivo do Inclui PCD, que acontece de 21 a 28 de setembro, é promover conexão, inclusão e capacitação de pessoas com deficiência no atual mercado de trabalho

    As inscrições podem ser realizadas pelo site
    As inscrições podem ser realizadas pelo site | Foto: Lucas Silva

    Brasil - A Egalitê , HRtech especializada na inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, realiza, entre os dias 21 e 28 de setembro, uma feira do emprego totalmente digital e gratuita. O evento conectará os profissionais com deficiência às empresas que pretendem contratar.

    O Inclui PCD promoverá diversas palestras com especialistas da área. Já passaram pelas palestras do evento Michael Stein, Diretor Executivo do Programa de Empregabilidade de PCD e professor em Harvard; Cid Torquatto, Secretario Municipal da Pessoa com Deficiência de São Paulo; Clara Marinho, que seu vídeo do Tik Tok emocionou o Brasil todo falando sobre a aceitação da sua deficiência. O evento ainda conta com a presença de Clodoaldo Silva, atleta paralímpico com mais de 14 medalhas pelo Brasil e de representantes de empresas como Sodexo, LinkedIn e IBM.

    A feira já reúne mais de 5 mil vagas para pessoas com deficiência para cargos como Analista de serviços financeiros, Auxiliar administrativo, Auxiliar de produção, Coordenador de gestão de performance e Coordenador de planejamento estratégico. São cerca de 300 empresas cadastradas e entre elas estão Oi, Magazine Luiza, MercadoLivre, Natura, Ernest Young, Grupo Dimed, J.P. Morgan e CSN.

    As empresas e candidatos interessados em participar do Inclui PCD podem se inscrever e cadastrar vagas gratuitamente no site: incluipcd.com.br .

    "No Brasil, a lei Lei nº 8.213/91 estabelece que empresas com mais de 100 funcionários devem incluir de 2% a 5% de pessoas com deficiência em seu quadro de colaboradores. A Egalitê faz com que a inclusão seja efetiva, preparando, avaliando e recrutando os candidatos. Nós acreditamos no potencial das pessoas com deficiência e no retorno que as empresas obtém quando fazem um trabalho de inclusão bem feito, atento a detalhes, processos e, principalmente, resultados", destaca Guilherme Braga, CEO da Egalitê.

    Leia mais:

    MPE cobra uso de recursos de acessibilidade em propaganda eleitoral

    Projeto promove aventuras a deficientes físicos do Amazonas

    Edital destina R$40 mi a projetos que melhorem vida de deficientes