Fonte: OpenWeather

    Turismo


    Boa Vista do Ramos pode virar polo turístico no Amazonas

    Técnicos da Amazonastur visitaram mais de 20 produtos turísticos para orientar e fiscalizar os prestadores de serviços

     

    Durante a viagem, os técnicos da Amazonastur visitaram mais de 20 produtos turísticos para orientar e fiscalizar os prestadores de serviços.
    Durante a viagem, os técnicos da Amazonastur visitaram mais de 20 produtos turísticos para orientar e fiscalizar os prestadores de serviços. | Foto: Rayanna Simões

    Boa Vista do Ramos (AM) - O corpo técnico da Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur) visitou na última semana o município de Boa Vista do Ramos (a 271 quilômetros de Manaus), com o objetivo de identificar os principais potenciais e produtos turísticos para o desenvolvimento da região.

      A cidade, inserida no Mapa do Turismo Brasileiro, destaca-se pela produção de meliponicultura, festival de pesca, passeios comunitários que se destacam pelas belezas naturais.  

    Durante a viagem, os técnicos da Amazonastur visitaram mais de 20 produtos turísticos para orientar e fiscalizar os prestadores de serviços. Entre os locais visitados, destacam-se o Ramal de Matupá, região onde se encontram os balneários da cidade; o Centro de Treinamento de Motocross; a Comunidade Menino Deus de Curuça e a Comunidade São Tomé, conhecida pela pesca e manejo do pirarucu.

    Os representantes do órgão estadual foram recebidos pelo prefeito em exercício da cidade, Eraldo CB, acompanhado dos secretários municipais.

    Para a chefe de Departamento de Registro e Sensibilização, Giovanna Maués, a visita é um passo importante para a geração de renda e melhoria da qualidade de vida da comunidade e destaca para a importância dos prestadores de serviço estarem regulamentados junto ao Sistema de Cadastro de Pessoa Físicas e Jurídicas do Ministério do Turismo, o Cadastur.

    "

    A visita técnica tem o principal objetivo de conhecer o município e fazer uma formatação desses produtos que ainda não estão legalizados e ordenados pela Amazonastur. Precisamos verificar quem são os prestadores de serviços que atuam para podemos sensibilizá-los a se inscrever no Cadastur. Também precisamos verificar a ‘Rota do Mel’, averiguar a distância e a qualificação das pessoas que estão atuando nesta rota. Nosso foco também é formular um produto turístico para futuramente apresentar ao turista. "

    Giovanna Maués, chefe de Departamento de Registro e Sensibilização

     

    Audiência pública

    No segundo dia, a Amazonastur, em parceria com o curso de Turismo da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo do município, realizou uma audiência pública com o intuito de ampliar o turismo na região por meio do plano de desenvolvimento turístico de Boa Vista do Ramos.

    O plano, atividade prática e acadêmica elaborada pelos discentes para o município, foi lido e avaliado pela população presente na audiência.

    Segundo o secretário de Cultura e Turismo, Simão Rocha de Leão, o município está cada vez mais voltado para a área turística.

    "

    A visita técnica da Amazonastur é mais um passo decisivo para esse avanço do turismo e com a ajuda da população, que percebeu a importância da preservação de Boa Vista do Ramos, vamos atingir nossa meta mais rapidamente. Nós temos uma expectativa muito grande com a produção do mel, que é biossustentável, além de estamos investindo e incentivando os balneários com preservação ambiental. "

    Simão Rocha de Leão, secretário de Cultura e Turismo

     

    Produtora de mandioca, a agricultora Nete Paiva acredita que a visita técnica pode ajudar na facilitação da venda de seus produtos e na promoção da região.

    "

    A minha família trabalha com o plantio da mandioca, e com ela produzimos pé de moleque e beiju (biscoito de mandioca) para vender em feiras na cidade. Não é fácil trabalhar com agricultura, muitos olham nossos produtos prontos e pensam que é fácil, mas leva tempo por ter muitos processos, por isso acredito que a visita da Amazonastur vai ajudar na divulgação da nossa região para atrairmos mais visitantes. "

    Nete Paiva, agricultora

     

    A visita técnica contou com a participação das chefes do Departamento de Produtos e Projetos, Emmanuelle Pampolha, e do Departamento de Registro e Sensibilização, Giovanna Tapajós Maués; e das assistentes técnicas da Diretoria de Negócios e Eventos, Valéria Mendes, e do Departamento de Programas e Projetos, Raíssa Tavares.

    Leia mais:

    Cresce movimentação turística em Barcelos por conta da pesca esportiva

    Amazonastur reativa atendimento ao turista no Aeroporto de Manaus

    Profissionais do Turismo começam a receber auxílio estadual